40% dos gols da equipe na temporada saíram dos pés do camisa 25, que pode sair de graça do clube no começo do ano que vem

Dagoberto em ação contra o Coritiba
AE
Dagoberto em ação contra o Coritiba
O ano de 2011 pode ser considerado o melhor da carreira de Dagoberto com a camisa do São Paulo . Com o gol anotado nesta quarta-feira contra o Coritiba, na suada vitória por 4 a 3 no Couto Pereira , o atacante chegou à marca de 16 tentos na temporada, superando os 15 que fez em todo ano de 2010. Além de ser o goleador da equipe, o camisa 25 vem se especializando nas assistências.

Siga o iG São Paulo no Twitter

Somando as campanhas do Campeonato Paulista, Copa do Brasil e Campeonato Brasleiro, Dagoberto já serviu 12 vezes seus companheiros. O São Paulo marcou 70 gols no ano, e o atacante participou efetivamente de 28 desses tentos, o equivalente a 40% do total. No torneio nacional, o jogador deu três assistências e marcou três gols.

Entre para a Torcida Virtual do São Paulo e convide seus amigos

"Meu objetivo é sempre ajudar o São Paulo. Estou conseguindo, seja com gols ou assistências", disse Dagoberto, que tem seu contrato vencendo no mês de abril de 2012. Caso o vínculo não seja renovado em breve, o jogador poderá assinar um pré-contrato com qualquer equipe do mundo a partir de outubro deste ano, saindo de graça do Morumbi, a exemplo do que aconteceu com o zagueiro Miranda.

A intenção de Dagoberto sempre foi permanecer no São Paulo. Há algumas semanas, o Internacional tentou levar o atleta para o Beira-Rio , mas a diretoria do clube paulista segurou seu artilheiro e ainda ofereceu a renovação por mais três anos. Porém, a preferência do atacante é por um reajuste salarial maior e um novo vínculo de cinco anos.

"Muitas vezes, quando você perde algumas coisas na vida é que você valoriza . Mas sempre frisei, sempre deixei claro da minha alegria de jogar aqui. E fico feliz por essa valorização que vem dos outros clubes", comentou o atacante na época em que surgiu a proposta do Inter.

O fato é que Dagoberto continua sendo peça-chave no esquema de Adilson Batista. Com a iminente volta de Luis Fabiano, o atacante poderá se firmar ainda mais como garçom da equipe e servir o camisa 9.

null

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.