Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

"Garantidor" de emprego, Alessandro resgata vaga cativa com Tite

Lateral ajudou treinador a não ser demitido e é novidade para clássico na Vila Belmiro

Bruno Winckler, iG São Paulo |

Sem ser relacionado e sem sequer ficar no banco após séria lesão muscular na coxa direita, o lateral-direito Alessandro volta a jogar pelo Corinthians nesta quarta-feira contra o Santos após o mais longo período de inatividade do jogador desde que chegou ao clube, em janeiro de 2008. Foram dois meses e meio afastado por uma grave lesão. Com seu retorno, Tite devolve ao jogador a vaga cativa que o treinador mantém guardada para ele desde o início do ano.

Gazeta Press
Alessandro volta a jogar no clássico nesta quarta

Siga a página do iG Corinthians no Twitter

O gol de Alessandro, contra o Palmeiras, quatro dias depois da eliminação para o Tolima na Libertadores, salvou o emprego de Tite. Ele reconhece que se não fosse a vitória por 1 a 0 no clássico, somada ao apoio de Andrés Sanchez, pressionado para demiti-lo, sua passagem pelo Corinthians seria encurtada. Tite tem uma dívida de gratidão com Alessandro e Júlio César, outro responsável direto por aquele resultado, mas prefere exaltar a grandeza do Corinthians naquela ocasião.

Entre para a torcida virtual do Corinthians

"Mais importante que Alessandro, Júlio César, do que a relação técnico e jogador, está o Corinthians. Aquele gol foi importante para a carreira profissional do Alessandro, para o Júlio César, para o treinador, mas tudo isso é menos que o Corinthians", disse Tite, na terça-feira.

Enquanto Alessandro esteve fora, Welder, de 20 anos, foi seu substituto. No discurso, Tite argumenta que saída do titular das últimas 12 partidas não se dá porque Alessandro saiu do time por lesão e não por deficiência técnica. "Conversei com o Welder antes de qualquer coisa. 'Welder, a volta do Alessandro é a volta do titular que não saiu por problema técnico, mas por problema de lesão. Esse é o critério do retorno'. Pedi para continuar se preparando, trabalhando, para quando tiver necessidade, poder entrar bem novamente", disse Tite.

O treinador confia que Alessandro não apresentará problemas neste jogo. Em conversa com ele, o treinador disse que o lateral se colocou à disposição para atuar por 90 minutos e que estaria se sentindo muito melhor do que no início do ano, quando foi para um jogo importante contra o Tolima antes de se recuperar completamente de catapora.

"Ele disse 'eu me sinto melhor do que estava com catapora'. Tinha o último jogo (contra o Atlético-PR para voltar), mas decidi que era melhor segurar para intensificar", disse. "Ele é um líder no campo e vai nos ajudar muito no restante do campeonato", completou.

Leia tudo sobre: corinthians

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG