Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Ganso quer jogar o Mundial e ir para o Milan, diz jornal italiano

Assessor e o próprio meia desmentem declarações publicadas nesta sexta pela Gazzetta dell Sport

Gazeta* |

Divulgação/CBF
Ganso foi o último jogador a chegar para a Copa América
O jornal italiano "Gazzetta dello Sport" publicou nesta sexta-feira entrevista com o meia Paulo Henrique Ganso , na qual ele demonstra sua vontade de jogar pelo Santos o Mundial de Clubes, que será disputado entre os dias 8 e 18 de dezembro. Mas ao mesmo tempo que o jogador sonha ajudar o Santos a ganhar o terceiro título mundial, o jornal conta que o desejo do camisa 10 do time da Vila Belmiro é se transferir logo em seguida para o Milan .

Entre para a Torcida Virtual do seu time e convide seus amigos

"Meu sonho agora é bater o Barcelona do Messi no Mundial de Clubes, e me juntar ao Milan em janeiro", afirmou, ao jornal italiano. O jogador é um dos principais alvos do clube italiano, que já conta com os brasileiros Thiago Silva , Alexandre Pato e Robinho , que atuou com Ganso no Santos em 2010.

 Mas de acordo com o assessor do meia santista, o jornalista Diogo Kotscho, Ganso não deu nenhuma entrevista para o jornal italiano. "O Ganso não deu entrevista nenhuma para a Gazzeta. O que pode ter acontecido é que na zona mista depois do jogo no Pacaembu ele tenha falado com o repórter do jornal que está aqui. Mas eu não acredito que ele tenha falado com essas palavras", disse Kotscho.

Ainda segundo o assessor do jogador, provavelmente Ganso pode ter falado do desejo de defender o Santos no Mundial e aí sim ser negociado. "Mas falar que já está certo com o Milan, não acredito. Até porque ele não tem essa informação. Me pareceu uma frase montada, num contexto que não era exatamente aquele. Na bagunça que estava a zona mista naquela hora, o repórter é um gênio se conseguiu que o Ganso dissesse essa frase desse jeito. Está muito bem articulada, e ali, com tanta gente, o máximo que ele falou foi uma frase", afirmou.

Em sua conta no Twitter, o próprio Paulo Henrique Ganso desmentiu as declarações atribuídas a ele pelo jornal italiano. "Eu não dei a declaração reproduzida na Gazzetta dello Sport. Na zona mista do Pacaembu, vários jornalistas estavam la e ouviram o que falei", escreveu Ganso, em sua página no microblog.

Siga o iG Santos no Twitter e acompanhe as novidades do seu time em tempo real

Após a conquista da Libertadores nesta semana, o presidente do Santos, Luís Álvaro de Oliveira Ribeiro, já tinha deixado claro sua vontade de manter Neymar e Ganso, pelo menos, até o Mundial de Clubes.

A dupla santista, agora, prepara-se para um novo torneio: a disputa da Copa América . Ganso, Neymar e Elano se apresentaram nesta quinta ao grupo comandado por Mano Menezes. O Brasil estreia no dia 3 de julho, contra a Venezuela, em La Plata.

* Colaborou Bruno Winckler, iG São Paulo

Leia tudo sobre: santosmilangansofutebol mundialitália

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG