Meia segue sem conceder entrevista coletiva no CT Rei Pelé e se limita a posar ao lado de Neymar e Elano

 O meia Paulo Henrique Ganso compareceu nesta quinta-feira na sala de imprensa do CT Rei Pelé, mas evitou conceder entrevista coletiva. O camisa 10 apenas posou para as fotos com os companheiros de seleção brasileira Neymar e Elano , e rapidamente deixou o local. O trio santista foi convocado por Mano Menezes para a disputa da Copa América da Argentina, em julho.

Ganso ao lado de Elano e Neymar: santistas são esperança de Mano Menezes na seleção
Samir Carvalho
Ganso ao lado de Elano e Neymar: santistas são esperança de Mano Menezes na seleção


Após rejeitar a proposta de renovação contratual com o Santos, e entrar em rota de colisão coma diretoria santista, Ganso não concedeu mais entrevistas coletivas. Além de ameaçar multar o jogador pelas entrevistas polêmicas, a diretoria do clube cancelou a última entrevista coletiva do camisa 10. Mais tarde, o Santos negou que vá multar o camisa 10.

Isso porque os dirigentes não teriam gostado da entrevista exclusiva do jogador concedida ao iG no dia 11 de março, mesmo dia em que estava marcada a coletiva de Ganso cancelada pelo clube. Na entrevista ao iG , o camisa 10 voltou a reclamar da falta de valorização por parte da diretoria santista .

Ganso se recupera de um estiramento muscular e ainda é dúvida para o primeiro jogo da final da Copa Libertadores da América, diante do Peñarol, na próxima quarta-feira, no estádio Centenário, em Montevidéu, no Uruguai. A expectativa é que o meia retorne no jogo de volta no Pacaembu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.