Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Fluminense visita Figueirense em duelo por vaga na Libertadores

Time carioca ainda pode ser campeão, mas prioriza uma vaga na Libertadores. Recuperado de gripe, Deco vai para o jogo

Gazeta |

Nelson Perez/FluminenseF.C.
Abel Braga classificou como muito complicada a partida que terá pela frente contra o Figueirense
Em confronto direto por uma vaga na próxima Copa Libertadores, o Fluminense visita o Figueirense neste domingo, às 17 horas (de Brasília), no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC), em choque programado pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. Embalado pela histórica vitória de 5 a 4 sobre o Grêmio, o time do Rio é o terceiro colocado com 59 pontos e ainda sonha com a conquista do título. Já o Figueira, que tem 57 pontos e chega após empate sem gols com o Flamengo, não perde há 14 jogos, mas prefere focar apenas a vaga no torneio continental.

Classificação: Veja como está depois dos jogos de sábado

A animação no Fluminense é muito grande para este jogo, pois o sonho do título voltou a figurar nas Laranjeiras após os confrontos diante do Grêmio.

Leia mais: Deco está recuperado de gripe e vai para o jogo

"Na verdade a prioridade no Fluminense é a luta por uma vaga na próxima Copa Libertadores. Mas quem está perto deste objetivo tem o direito de sonhar com o título também. Sabemos que não vamos ter facilidades nestes três jogos restantes, mas o nosso pensamento está em buscar os nove pontos e depois ver o que vai acontecer", disse o meia Deco.

Porém, a empolgação e o desejo de conquistar o título não são suficientes para o técnico Abel Braga relaxar nesta reta final de Campeonato Brasileiro. O treinador tem conversado com os seus jogadores sobre a necessidade deles entrarem em campo muito concentrados diante do Figueirense.

"Vamos enfrentar um dos times mais complicados de se vencer neste Campeonato Brasileiro. O Figueirense ganhou de muita gente boa, não perde há muito tempo e dentro de casa se tornou invencível. Tem um time experiente e que sabe tirar proveito dos erros do adversário. Não podemos errar muito, como aconteceu em outros duelos, senão seremos castigados com certeza. O momento é de trabalho com inteligência e tentar encontrar a hora mais adequada de buscar a vitória na casa do adversário", afirmou Abel Braga.

Para este duelo, Abel Braga vai contar com o retorno do volante Edinho, que cumpriu suspensão diante do Grêmio e reaparece no posto de Diguinho.

Em Santa Catarina

Site oficial
Torcida do Figueirense confiante em uma vaga na Libertadores
Pelo lado do Figueirense, o técnico Jorginho também tem trabalhado o aspecto psicológico de seus comandados, a fim de encontrar a melhor maneira para superar o Fluminense.

"O Fluminense é um time que não desiste nunca do resultado e por isso exige sempre o máximo de seus adversários. Além disso, eles chegam embalados por um grande resultado e querem continuar sonhando com o título. Mas nós precisamos muito deste triunfo e não podemos vacilar", disse Jorginho.

O Figueirense não terá neste jogo o volante Ygor, suspenso por ter recebido o terceiro cartão amarelo contra o Flamengo. Jônatas deve entrar na equipe, com Coutinho sendo recuado para ajudar Túlio na marcação.

Wellington Nem, que tem vínculo com o Fluminense, vai custar R$ 75 mil aos cofres do clube, mas vai jogar. O centroavante Júlio César, com uma lesão no músculo posterior da coxa, dá lugar a Aloísio.

No primeiro turno do Campeonato Brasileiro as duas equipes se enfrentaram no Rio de Janeiro e o Fluminense venceu por 3 a 0, com dois gols de Rafael Moura e um de Edinho.

FICHA TÉCNICA
FIGUEIRENSE x FLUMINENSE

Local: Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC)
Data: 20 de novembro de 2011 (Domingo)
Horário: 19 horas (de Brasília)
Árbitro: Heber Roberto Lopes (Fifa-PR)
Assistentes: Roberto Braatz (Fifa-PR) e Altemir Hausmann (Fifa-RS)

FIGUEIRENSE: Wilson; Bruno, Édson Silva, Roger Carvalho e Juninho; Túlio, Coutinho, Jônatas e Elias; Aloísio e Wellington Nem
Técnico: Jorginho

FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Mariano, Leandro Euzébio, Elivélton e Carlinhos; Edinho, Valencia, Marquinho e Deco; Rafael Sobis e Fred
Técnico: Abel Braga

Leia tudo sobre: FluminenseFigueirenseBrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG