Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Fluminense vence Cabofriense e segue com 100% de aproveitamento

Na próxima rodada o Fluminense vai receber o Duque de Caxias no Engenhão, em busca da quinta vitória

Gazeta |

nullEm um jogo muito movimentado, o Fluminense venceu por 4 a 2 a Cabofriense, neste domingo, em Macaé, e manteve os 100% de aproveitamento no grupo B da Taça Guanabara. Com o resultado, os tricolores chegaram a 12 pontos e estão empatados com o Botafogo, só perdendo no saldo de gols para os alvinegros. Já a equipe da Região dos Lagos segue sem pontuar na competição.

O destaque da partida foi o atacante Fred, que marcou duas vezes na partida. Ele abriu o placar aos seis minutos após receber passe de Souza em cobrança de falta ensaiada. A Cabofriense virou com gols de Capixaba e Diego Sales, mas sofreu a nova virada, após gols de Fred, novamente, e Willians.

Na próxima rodada, a Cabofriense vai até o Rio de Janeiro para encarar o Madureira, na quarta-feira. No dia seguinte, o Fluminense vai receber o Duque de Caxias no Engenhão.

O jogo

Mesmo sob forte calor, o Fluminense não tomou conhecimento da Cabofriense e partiu para cima em busca da abertura do placar desde o apito inicial do árbitro. O tricolor conseguia chegar com facilidade perto da área adversária e não demorou muito para fazer o primeiro gol. Logo aos seis minutos, Souza cobrou falta ensaiada pela direita e rolou rasteiro para o meio da área. O atacante Fred apareceu sozinho e chutou no canto esquerdo de Fábio.

Mesmo após o gol, o Fluminense seguia melhor em campo e se deu ao luxo de diminuir o ritmo. No entanto, os tricolores conseguiam chegar com perigo ao gol da Cabofriense. Aos 24 minutos, Carlinhos fez boa jogada e tocou dentro da pequena área para Rodriguinho. Só que o atacante tocou por cima do gol de Fábio desperdiçando a chance de marcar o segundo.

A primeira boa chance da Cabofriense aconteceru aos 28 minutos. O meia Wagner foi lançado na área e chutou de frente para Diego Cavalieri. No entanto, a bola foi em cima do goleiro tricolor, que espalmou e sobrou novamente para o jogador do time da Região dos Lagos. Só que na segunda tentativa, ele furou e perdeu a oportunidade de empatar o placar.

O lance animou a Cabofriense, que passou a buscar mais o ataque e conseguiu o empate aos 31 minutos. Zotti cruzou pela esquerda para Capixaba. O atacante dominou sozinho e tocou na saída de Diego Cavalieri.

A igualdade no placar deixou a partida mais movimentada, pois obrigou o Fluminense a buscar com mais intensidade o ataque. No entanto, a Cabofriense permanecia melhor em campo e chegava com mais perigo ao gol de Diego Cavalieri. Só que aos 40 minutos, o tricolor teve ótima chance quando Mariano foi lançado na área pela direita e cruzou rasteiro. Fred fez o corta luz para Rodriguinho finalizar. O zagueiro Matheus salvou na linha e a bola sobrou para Tartá. Mas, o atacante chutou por cima do gol de Fábio para desespero da torcida.

nullA oportunidade assustou a Cabofriense, que recuou e impediu que o Fluminense tivesse mais chances de terminar o primeiro tempo a frente no placar.

No início do segundo tempo aconteceu o inverso do primeiro. A Cabofriense foi quem foi para cima do Fluminense e conseguiu virar o placar logo com cinco minutos. O meia Diego Sales fez boa jogada individual e foi derrubado por Souza dentro da área. O árbitro marcou pênalti que o mesmo Diego Sales cobrou com categoria deslocando Diego Cavalieri.

O revés fez o Fluminense partir para cima da Cabofriense em busca do empate. Em poucos minutos, os tricolores tiveram duas boas chances, com Mariano e Edinho. Na primeira, o goleiro Fábio fez boa defesa enquanto que na segunda a bola passou muito perto do gol.

Após um período em que a Cabofriense conseguiu impedir os avanços do Fluminense, o tricolor teve ótima chance aos 18 minutos. Marquinho tabelou com Conca e recebeu no bico da pequena área, mas chutou errado. Só que dois minutos depois os comandados de Muricy Ramalho chegaram ao empate. Depois de cobrança de escanteio, o zagueiro André Luís subiu mais que os adversários e cabeceou. A bola ainda bateu na trave direita de Fábio antes de entrar.

Para melhorar a situação do Fluminense, a Cabofriense teve um jogador expulso aos 31 minutos. O zagueiro Alysson fez falta em Fred e como já tinha cartõa amarelo, recebeu o segundo e o vermelho. Com um a mais em campo, o tricolor virou o jogo aos 34. Após boa jogada de Willians, a bola foi tocada para Fred, que acertou belo chute de dentro da área sem chance para Fábio.

Quando os tricolores ainda comemoravam a virada, o Fluminense ampliou o placar aos 38 minutos. Após jogada pela esquerda, A bola foi cruzada para Willians. O atacante só teve o trabalho de tocar para a rede da Cabofriense e decretar a vitória em Macaé.

Nos minutos finais, o Fluminense só administrou o resultado até o apito final do árbitro.

AE
Atacante Fred comemora após marcar em mais uma vitória do Fluminense no Campeonato Carioca

FICHA TÉCNICA
CABOFRIENSE 2 x 4 FLUMINENSE

Local: Estádio Claudio Moacyr, Macaé (RJ)
Data: 30 de janeiro de 2011 (domingo)
Horário: 17 horas
Árbitro: Felipe Gomes da Silva
Assistentes: Ricardo Mauricio de Almeida e Eduardo de Souza Couto
Cartões amarelos: Rodrigo Santos (Cabofriense); André Luís, Carlinhos e Diguinho (Fluminense)
Cartões vermelhos: Alysson (Cabofriense)
Gols: CABOFRIENSE: Capixaba, aos 31min do primeiro tempo; Diego Sales, aos 5min do segundo tempo
FLUMINENSE: Fred, aos 6min do primeiro tempo e 34min do segundo tempo; André Luís, aos 20min do segundo tempo; Willians, aos 38min do segundo tempo

CABOFRIENSE: Fábio; Alyson, Rodrigo Santos e Matheus; Schneider, Luciano Toto, Wagner, Diego Sales e Zotti (Alexandre Calango); Capixaba (Assunção) e Allan (Diego)
Técnico: Waldemar Lemos

FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Mariano, André Luís, Leandro Euzébio e Carlinhos; Edinho, Diguinho, Souza (Willians) e Tartá (Marquinho); Rodriguinho (Conca) e Fred
Técnico: Muricy Ramalho

Leia tudo sobre: FluminenseCampeonato Carioca 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG