Tamanho do texto

Muricy Ramalho faz mistério e não deu pista se Emerson começará o jogo como titular no duelo pela Taça Rio

Por mais que tentem negar, os jogadores do Fluminense estão com a cabeça no América. Mas o do México, e não o carioca, adversário da equipe nesta quarta-feira, às 19h30 (horário de Brasília), no Engenhão, pela segunda rodada da Taça Rio . Mas como a “decisão” contra o time mexicano, pela quarta rodada da Libertadores, está marcado apenas para o dia 23, a ordem nas Laranjeiras é focar apenas no Campeonato Carioca.

Apesar dos nomes serem iguais, todos sabem que o adversário desta quarta-feira fala português e tem sede no Rio de Janeiro. Já a equipe do Fluminense que irá a campo nesta quarta-feira ainda é uma incógnita. Com doze escalações diferentes em doze partidas, Muricy Ramalho segue misterioso e não deu qualquer pista durante a semana se usará o décimo-terceiro time diferente na temporada.

A tendência é de o treinador do Fluminense mude novamente. Até porque contra o Resende o treinador poupou vários titulares. Além das voltas quase certas de Carlinhos , Diguinho e Conca , existe a possibilidade de Emerson começar jogando como titular pela primeira vez desde o dia de 5 dezembro de 2010, data da “decisão” contra o Guarani.

Quem também pode ter uma oportunidade de voltar ao time titular contra o América é Diogo. Homem de confiança em boa parte da campanha vitoriosa no ano passado, o volante entrou bem contra o Resende e conta com o apoio do torcedor. Independentemente de ser titular ou não, o jogador pediu respeito e atenção ao adversário.

Muricy comanda treino do Fluminense. Treinador conta com Conca para esquecer má fase na Libertadores
Photocamera
Muricy comanda treino do Fluminense. Treinador conta com Conca para esquecer má fase na Libertadores
“O América é uma grande equipe, tradicional no Rio de Janeiro e tem que ser respeitada”, disse Diogo, que minimizou a goleada sofrida diante do Vasco, por 9 a 0, com um exemplo recente. “No ano passado o Botafogo foi goleado pelo mesmo Vasco por 6 a 0 e acabou conquistando o título. Isso é passado e cada jogo é uma história”, completou.

Diogo reconhece que o desempenho do Fluminense na temporada está deixando a desejar. O volante reconhece que pela qualidade do elenco, a equipe anda devendo, mas afirma que mais importante do que dar espetáculo nesse momento é vencer.

“Nosso objetivo é vencer, mas se vencermos e convencermos melhor ainda. Precisamos de uma sequência boa de vitórias para engrenarmos novamente”, disse o volante.

Provável titular ao lado de Rafael Moura, Araújo vem ganhando seu espaço dentro e fora do campo. Se contra o Resende o atacante teve ótimos momentos e chegou a lembrar o Araújo do Goiás, após os treinos nas Laranjeiras o jogador tem feito a alegria dos companheiros.

Motivado por Fred, o atacante protagonizou uma dança esquisitíssima, deu piruetas e finalizou o show com uma cambalhota que arrancou gargalhadas de todo o elenco.

“É maneiro porque o ambiente está alegre novamente. O Araújo tem uma dupla função. Além de se um grande profissional, ele alegra o ambiente. Mas essa dança dele é muito fraca”, cornetou Emerson.

FICHA TÉCNICA – FLUMINENSE x AMÉRICA-RJ

Local : Engenhão (RJ)
Data : 9 de março de 2011, quarta-feira
Horário: 19h30 (horário de Brasília)
Árbitro: João Batista de Arruda
Assistentes : Daniel do Espírito Santo Parro e Ivan Silva Araújo

FLUMINENSE: Ricardo Berna; Mariano, Gum, Leandro Euzébio e Carlinhos; Edinho, Diguinho, Souza e Conca; Araújo (Emerson) e Rafael Moura Técnico : Muricy Ramalho

AMÉRICA : Paulo Wanzeler; Michel, Luiz Antônio, Alan Kardek e Felipe Assis; Ives, Mário César, Bruno Reis e Ruy Netto (Gustavo Correia); Diguinho e Hugo Técnico : Lulinha

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.