Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Fluminense joga mal, empata com Goiás e se complica na briga pelo título

Com Deco e Fred sem ritmo de jogo, equipe carioca entrega liderança para o Corinthians. Já os goianos ganham permanecem muito ameaçados de cair para a Série B em 2011

Marcello Pires, iG Rio de Janeiro |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237860283965&_c_=MiGComponente_C

Sob os olhares da ilustre torcedora Fernanda Montenegro, que foi ovacionada antes de a bola rolar, o Fluminense escolheu o roteiro errado e perdeu a chance de retomar a liderança do Campeonato Brasileiro ao empatar com o Goiás por 1 a 1, neste domingo, em pleno Engenhão. O time carioca agora é vice-líder e se complicou na briga pelo título.

Com 62 pontos, o time do técnico Muricy Ramalho ocupa a segunda colocação, atrás do Corinthians, que com a vitória sobre o Cruzeiro, sábado, no Pacaembu, assumiu a liderança com 63 pontos. Na próxima rodada, o Fluminense enfrentará o São Paulo, na Arena Barueri, enquanto o Goiás, que mesmo com a vitória continua muito ameaçado pelo rebaixamento, receberá o Santos no Serra Dourada.

Assista aos gols do jogo do Engenhão


O jogo
Pessionado pela vitória do Corinthians, o Fluminense entrou em campo sabendo que só a vitória servia para a equipe retomar a liderança. Talvez só isso explique o nervosismo dos jogadores. Sem saída de bola e nenhuma objetividade, o time não conseguia penetrar na defesa do Goiás e abusava dos passes errados.

E foi justamente num passe errado de Carlinhos, aos 19 minutos, que saiu o gol do time goiano. Carlos Alberto tocou na direita para Jones que cruzou na cabeça de Rafael Moura. O atacante levou a melhor sobre Leandro Euzébio e tocou sem defesa para Ricardo Berna.
 
O gol acordou o time do Fluminense. Aos 23, Deco roubou a bola, fez boa jogada pela esquerda, cortou para o meio e chutou com perigo à direita de Harley. A equipe carioca passou a pressionar e, aos 26, Mariano grande fez jogada pela direita mas cruzou errado. Mas a melhor oportunidade de gol aconteceu aos 39. Leandro Euzébio fez grande jogada e tocou para Fred. O camisa 9 deu ótimo passe para Conca que chutou para arrojada defesa de Harley.
 
Com uma vantagem inesperada, a única coisa que o time goiano queria era ver o tempo passar. O Fluminense tinha posse de bola e mais volume de jogo, mas não conseguia chegar ao gol de Harley. Aos 44, Fred recebeu de costas para o gol, girou em cima de Ernando e chutou sem rasteiro para fácil defesa do goleiro da equipe goiana.
 
Com Washington no lugar de Tartá e Diguinho no de Deco, o Fluminense voltou pressionando o Goiás. No primeiro ataque, Carlinhos fez excelente jogada e chutou rasteiro, mas Harley defendeu. Dois minutos depois, novamente Carlinhos fez boa jogada pela esquerda e cruzou na cabeça de Conca, que quase empata.
 
O Fluminense era só pressão. Aos 7, Mariano fez grande jogada pela direita e cruzou para Fred cabecear por cima. Aos 9, quase que num repeteco, Fred recebeu de Mariano e acertou uma bomba de esquerda que passou perto da trave esquerda de Harley. A pressão continuava e, aos 13, Conca chutou rasteiro e goleiro do time goiano defendeu com o pé, evitando o gol de empate. O Goiás nem sequer ameaçava.
 
Aos 24, Fred recebeu de Mariano e tocou para Washington. Mas ainda não foi desta vez que o atacante desencantou. Ele tocou para o lado, driblou um defensor do Goiás, mas chutou por cima sem perigo. O jogo era pela direita e, aos 29, novamente Mariano cruzou com perfeição na cabeça de Fred, que cabeceou por cima.
 
Aos 37, Mariano tocou para Rodriguinho que foi derrubado por Ernando. Pênalti. Conca cobrou com raiva e deixou tudo igual. Aos 45, Rafael Moura fez grande jogada e deixou Feline na cara do gol, mas o atacante chutou por cima e desperdiçou a  única chance do Goiás no segundo tempo. No fim, o 1 a 1 acabou sendo ruim para as duas equipes.

Milton Trajano
Ronaldo e a "mala branca" no duelo entre Fluminense e Goiás

FICHA TÉCNICA - FLUMINENSE 1 X 1 GOIÁS

Local: Engenhão (RJ)
Data: 14 de novembro de 2010, no domingo
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Carlos Eugênio Simon (FIFA)
Assistentes: Marcelo Bertanha Barosin (RS) e Tatiana Jacques de Freitas (RS)
Público: 30.897 pagantes
Renda: RS$ 984.475.00
Cartões amarelos: Douglas (GOI), Marcelo Costa (GOI), Ernando (GOI), Mariano (FLU), Diguinho (FLU)

GOLS:
Goiás: Rafael Moura, aos 19 do primeiro tempo; Fluminense: Conca,de pênalti, aos 37 do segundo tempo

FLUMINENSE: Ricardo Berna, Mariano, Leandro Euzébio, André Luis e Carlinhos; Fernando Bob (Rodriguinho) Valencia, Deco (Diguinho) e Conca; Tartá (Washington) e Fred. Técnico: Muricy Ramalho
 
GOIÁS: Harley, Valmir Lucas, Ernando e Marcão; Douglas, Amaral, Carlos Alberto (Jonilson), Marcelo Costa e Wellington Saci; Jones (Felipe) e Rafael Moura. Técnico: Artur Neto

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG