Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Fluminense goleia Olaria e segue invicto no Campeonato Carioca

Atual campeão brasileiro assumiu a liderança do grupo B com a vitória por 6 a 2 no Engenhão

Gazeta |

Após passar sufoco para vencer o Bangu, na primeira rodada da Taça Guanabara, o Fluminense conseguiu mostrar um belo futebol e, mesmo tomando um susto no início de jogo, goleou o Olaria por 6 a 2 neste domingo, em confronto válido pela segunda rodada da competição. Com o resultado, o time das Laranjeiras pulou para a liderança do grupo B, com 6 pontos, ao lado do Botafogo. O Olaria permanece com 3 pontos.

O grande destaque da partida foi o atacante Fred, que além de marcar duas vezes, deu belos passes e movimentou-se bastante. O atacante Rodriguinho e o meia Marquinho também se sobressaíram, fazendo dois gols cada. Felipe e Renan Silva anotaram para o Olaria.

Na próxima rodada, o Fluminense voltará a jogar no Engenhão, na quinta-feira, contra o Macaé. O Olaria atuará em casa, na Rua Bariri, contra o Cabofriense, no mesmo dia.

O jogo

Antes do início da partida, os jogadores do Fluminense receberam das mãos dos jogadores do Olaria a faixa pelo título brasileiro do ano passado. Com a bola rolando, os primeiros 10 minutos foram muito intensos, mas as maiores jogadas partiram da equipe da Rua Bariri.

Apesar da pressão, o Fluminense conseguiu furar o bloqueio do time do subúrbio e abriu o marcador. Aos 11 minutos, após lindo toque de Fred, Marquinho chutou com força, sem chances para o goleiro Renan Moura: 1 a 0 Fluminense.

null

Quando a torcida da casa ainda estava comemorando, o Olaria surpreendeu e empatou a partida. Depois de fazer bela jogada pelo meio, Felipe entrou de frente para o gol e chutou no canto direito de Ricardo Berna: era o gol do empate.

Apertando a saída de bola do Fluminense, o Olaria levava perigo à zaga dos mandantes. Aos 17 minutos, o time visitante acabou sendo contemplado com um pênalti, sofrido por Ivan. Em bela cobrança, o atacante Renan Silva desempatou a partida, colocando o Olaria na frente do marcador.

Após a parada técnica, o Fluminense voltou disposto a empatar a partida e pressionou o Olaria, principalmente pelas laterais. Melhor em campo, o Fluminense acabou fazendo seu segundo aos 27 minutos, após Fred receber ótimo passe de Deco e bater com força para o gol do Olaria, empatando o jogo.

Bastante movimentada, a partida mostrava belas jogadas, e as duas equipes buscavam intensamente o terceiro gol. Aos 37 minutos, Renan Silva puxou contra-ataque, driblou o goleiro tricolor, mas a zaga cortou o que seria o terceiro tento do time do subúrbio. A resposta do Fluminense veio com Tartá, aos 39, e Rodriguinho, um minuto depois, que chutou a bola na trave.

Antes de terminar o primeiro tempo, o artilheiro Fred desempatou a partida para o Fluminense. Após belo cruzamento de Mariano, o camisa 9 conseguiu fazer seu segundo gol no confronto, terceiro na competição.

Com o mesmo ritmo, o Fluminense voltou para o segundo tempo pressionando e sufocando a zaga adversária. O Fluminense não demorou a fazer o quarto gol. Após cobrança de escanteio, no primeiro minuto do segundo tempo, Rodriguinho cabeceou no primeiro pau, sem chances para o goleiro adversário.

AE
Jogadores do Fluminense comemoram um dos gols da goleada
O Fluminense manteve a superioridade, controlando as ações em campo e envolvendo a equipe do Olaria, que não conseguia passar pela zaga tricolor. Antes do tempo técnico, o Fluminense conseguiu fazer o quinto gol, ampliando a vantagem no placar. Recebendo passe de Tartá, o atacante Rodriguinho teve calma e tocou no canto do goleiro Renan Moura, aos 20 da segunda etapa.

Com passes curtos, o Fluminense dominava a partida e quase fez o sexto gol com Marquinho, que, aos 29, chutou por cima, perdendo uma chance incrível. O meia estava sozinho na pequena área. A resposta do Olaria veio aos 32 minutos com belo chute de Waldir, espalmado por Ricardo Berna.

Redimindo-se do gol perdido, o meia Marquinho, que substituía o recém-chegado Souza, ampliou a goleada para 6 a 2, após uma bela cobrança de falta, aos 38 minutos. Era o segundo gol dele, igualando-se a Fred e Rodriguinho.

Com seis no placar, o Fluminense apenas administrava o resultado e, com tranquilidade, tocava a bola, esperando o apito final. Já o Olaria buscava as jogadas, principalmente pelo lado esquerdo, mas parecia não ter mais pernas para reverter a situação.

FICHA TÉCNICA - FLUMINENSE 6 x 2 OLARIA

Local: Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 23 de janeiro de 2011
Horário: 19h30 (Brasília)
Árbitro: Carlos Eduardo Nunes Braga
Assistentes: Luis Felippe Costa e Michael Correia
Cartões amarelos: David e Renan Silva (Olaria)
Público: 5.002 pagantes
GOLS: Fluminense: Marquinho,aos 11, e Fred, aos 27 e 42 minutos do primeiro tempo; Rodriguinho, a 1 e aos 20, e Marquinho, 38 minutos do segundo tempo
Olaria: Felipe, aos 12, e Renan Silva, aos 18 minutos do primeiro tempo

FLUMINENSE: Ricardo Berna, Mariano, Gum, Leandro Euzébio e Carlinhos; Valencia (Fernando Bob), Diguinho, Marquinho e Deco (Rodriguinho); Tartá e Fred (Willians)
Técnico: Muricy Ramalho

OLARIA: Renan Moura, Ivan, Thiago Eleutério, Rafael e Amarildo; David, Felipe (Renato), Danilo (Vinícius) e Waldir, Victor (Carlos Antônio) e Renan Silva
Técnico: Luiz Antonio Ferreira

Leia tudo sobre: fluminenseolariacampeonato carioca 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG