Longe da forma física ideal, jogadores acreditam que manutenção do elenco pode fazer diferença no Carioca

Passada a festa do tricampeonato brasileiro, é hora de voltar ao batente. Após 12 dias de uma forte pré-temporada em Mangaratiba, na Costa Verde do Rio de Janeiro, o Fluminense estreia no Campeonato Carioca nesta quinta-feira, contra o Bangu, às 19h30, no Engenhão. Se ainda falta ritmo de jogo, sobra entrosamento. Com a base do ano passado mantida e contratações pontuais, o clube descarta o favoritismo, mas começa a temporada 2001 com o objetivo de recuperar a hegemonia do futebol do Rio de Janeiro, perdida para o rival Flamengo em 2009.

Dos quatro reforços apresentados pelo clube até o momento, apenas Souza vai enfrentar o Bangu. O meia, além de Deco e Tartá, são os únicos jogadores confirmados pelo técnico Muricy Ramalho para a partida desta quinta-feira que não atuaram na vitória sobre o Guarani no jogo que deu ao Fluminense o título brasileiro.

Deco treinou na quarta-feira com a equipe do Fluminense
Photocamera
Deco treinou na quarta-feira com a equipe do Fluminense

Apesar de ter participado de toda a pré-temporada, Diego Cavalieri ainda não terá condições de jogo. Como a documentação de transferência do Cesena (ITA) ainda não chegou ao Brasil, o goleiro não foi inscrito na CBF. Já Edinho e Araújo, que só foram apresentados nesta quarta-feira e precisam de tempo para entrarem em forma, estão descartados.

Um dos jogadores mais regulares do Fluminense nas duas ultimas temporadas, Mariano aposta no entrosamento para começar o Campeonato Carioca com o pé direito

“Temos praticamente o mesmo time do ano passado, e como as equipes ainda não estarão cem por cento fisicamente nesse início, isso pode fazer a diferença. Não conhecemos muito o time do Bangu, mas esperamos que eles não resolvam dar muito trabalho”, brincou Mariano.

Muitas vezes sobrecarregado na lateral direita pelo fato de o time base de 2010 ter muitos canhotos, Mariano acredita que a chegada de Souza vai equilibrar mais as ações ofensivas e ajudar seu desempenho.

“A opção do Muricy por ele foi justamente pelo fato dele ser destro. Ele é um jogador experiente, que já jogou de ala no São Paulo e de muita técnica. Além de joga aberto mais pela direita e encostar em mim, ele também é forte na marcação e pode facilitar minha vida”, disse Mariano.

Além do lateral-direito, o atacante Fred também aposta na manutenção da base como principal trunfo do atual campeão brasileiro no Campeonato carioca. O capitão do Fluminense sabe que o ritmo de jogo só virá com a sequência de jogos, por isso ele ressalta a importância de iniciar o Carioca com vitória.

“Acho que será um campeonato equilibrado, mas é claro que levamos uma pequena vantagem por iniciar a temporada com praticamente o mesmo time que terminamos 2010. Sabemos das dificuldades físicas que iremos enfrentar nesse começo, por isso é muito importante vencermos os primeiros jogos para ganharmos moral”, afirmou.

FICHA TÉCNICA
BANGU X FLUMINENSE

Local: Engenhão (RJ)
Data: 20 de janeiro de 2011, quinta-feira
Horário: 19h30h (de Brasília)
Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez
Assistentes: Ricardo Maurício Ferreira de Almeira e Eduardo de Souza Couto

FLUMINENSE: Ricardo Berna; Mariano, Gum, Leandro Euzébio e Julio Cesar; Valencia, Diguinho, Deco e Souza; Tartá e Fred. Técnico: Muricy Ramalho.

BANGU: Thiago Leal,China, Asprilla, André Barreto e Fabiano Silva; Josiel, Thiago Galhardo e Tiano; Charles Chad, Somália e Pipico. Técnico: Gabriel Vieira.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.