Tamanho do texto

Equipe não vence rival há seis jogos, um clássico carioca há 11 jogos e a Taça Guanabara desde 1993

Jogadores ouvem instruções do técnico Abel Braga na preparação para enfrentar o Botafogo
Photocamera
Jogadores ouvem instruções do técnico Abel Braga na preparação para enfrentar o Botafogo
Mais que a vaga à semifinal da Taça Guanabara , a partida entre Fluminense e Botafogo , na próxima quinta-feira, às 21h, no estádio Engenhão, a tranquilidade do elenco tricolor estará em jogo para a sequência da temporada. Serão três tabus colocados à prova quando os dois rivais se enfrentarem. O time das Laranjeiras não vence o rival há seis jogos, um clássico carioca há 11 jogos e não conquista a Taça Guanabara desde 1993.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Mesmo com a boa campanha no último Campeonato Brasileiro , quando o time reagiu no segundo turno e terminou na terceira colocação, garantindo uma das vagas à Copa Libertadores , os clássicos foram uma pedra no sapato dos jogadores, diretoria e torcida.

Leia mais: Pai tricolor cobra vitória de Edinho no clássico contra o Bota

Para o volante Edinho , que ainda não venceu um rival carioca desde que chegou ao clube, a estatística negativa não impressiona. O jogador acredita que cada partida tem uma história diferente e que o retrospecto recente não influencia.

“Quando os números são bons, a gente já não leva muito em consideração, pois cada jogo é uma história diferente. Quando o dado é negativo, o pensamento tem que ser da mesma maneira. Sabemos que a campanha do Fluminense até a semifinal foi difícil, suada, mas estamos numa crescente para fazer um grande jogo na quinta”, disse Edinho.

Veja mais: Diguinho dá susto em treino do Flu, e Araújo é poupado com dores

Vencer o Botafogo também significa quebrar outra marca importante. Desde 1993 o Fluminense não vence o primeiro turno do Campeonato Carioca . Na ocasião, o título estadual ficou com o Vasco, que venceu a Taça Rio e a final contra o Fluminense.

Mesmo sem oferecer o favoritismo ao Botafogo, o técnico Abel Braga admite que o jejum de vitórias sobre os rivais incomoda nas Laranjeiras.

Veja também: Com visita de Washington, Flu se reapresenta com elenco completo

"Não tem qualquer tipo de favoritismo de nenhum lado. É clássico, vai ser jogado e vamos tentar complicar. Porque em relação aos clássicos, tem sido complicado para a gente. Incomoda, claro. Não ganhamos há mais de um ano. Vamos entrar com esse desejo muito grande de quebrar essa estatística", destacou o técnico Abel Braga.

Ajude o time do Fluminense a subir no ranking da Torcida Virtual