Advogado Rafael De Piro viajou para a Suíça com os documentos apresentados em relatório entregue à CBF

O Flamengo segue sua briga para ser reconhecido como um dos campeões brasileiros de 1987 , ao lado do Sport . Rafael de Piro, procurador geral e vice-jurídico do clube, está em Zurique, na Suíça, onde fica a sede da Fifa, e volta ao Rio nesta quarta-feira.

iG Flamengo no Twitter: saiba tudo sobre seu time

De Piro levou os mesmos documentos apresentados no relatório enviado à Confederação Brasileira de Futebol sobre a conquista do Flamengo. A CBF já se manifestou a favor do reconhecimento, mas precisou revogar sua resolução por causa de uma decisão da 10ª Vara da Justiça Federal, do dia 15 de junho.

Entre para a Torcida Virtual do seu time e convide seus amigos

O Flamengo ainda pediu a punição do Sport, que foi à Justiça Comum para ser considerado o único campeão de 1987, o que é considerado falta grave pela Fifa, pois os recursos na esfera esportiva ainda não haviam sido esgotados. O clube agora espera uma decisão da entidade.

O reconhecimento do Flamengo como um dos campeões de 1987 aconteceu no dia 21 de fevereiro deste ano. Uma semana antes, a Caixa Econômica Federal havia entregue a Taça das Bolinhas ao São Paulo , que, na época, era o primeiro pentacampeão do Brasil. Esse imbróglio também está na Justiça.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.