Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Flamengo reage, mas fica no empate com o Madureira

Foi o terceiro empate seguido da equipe, que ocupa apenas a quarta posição do Grupo A da Taça Rio

Gazeta |

O Flamengo voltou a decepcionar sua torcida e só empatou com o Madureira por 3 a 3 em partida disputada neste domingo, no Estádio Cláudio Moacyr, em Macaé. Foi o terceiro tropeço consecutivo da equipe rubro-negra na Taça Rio. Agora o Flamengo ocupa a quarta posição no Grupo A da Taça Rio com nove pontos ganhos. Já o Madureira subiu para a sexta colocação do Grupo B com quatro pontos.

nullO Flamengo chegou a estar perdendo por 3 a 1 mas reagiu no final e conseguiu o empate. Muito bem marcado, Ronaldinho Gaúcho teve uma atuação apagada, chegando a ser vaiado pela torcida. Durante o segundo tempo, a torcida vaiou o técnico Vanderlei Luxemburgo e gritou o nome de Adriano que assinou com o Corinthians.

Na próxima rodada da Taça Rio, o Flamengo enfrentará o Duque de Caxias enquanto o Flamengo terá o América pela frente.

O jogo

O Flamengo iniciou a partida trocando passes curtos com a intenção de ficar com a bola nos pés e evitar o desgaste físico já que o calor era muito forte em Macaé. Já o Madureira se concentrava na defesa e pouco se arriscava no ataque onde apenas Adriano Magrão tentava incomodar os zagueiros da equipe dirigida por Vanderlei Luxemburgo.

Até que o árbitro interrompesse o jogo na parada técnica nenhuma das equipes tinha conseguido criar um lance de emoção na partida. Ronaldinho Gaúcho, bem marcado, se limitava a tocar a bola sem se preocupar em tentar jogadas individuais.

Aos 21 minutos, Ronaldinho fez bom lançamento para Wanderley que chutou em cima da zaga e desperdiçou a oportunidade. No minuto seguinte foi a vez de Thiago Neves investir pela esquerda mas seu cruzamento foi bloqueado pela defesa da equipe suburbana.

O Flamengo aumentou a pressão e aos 24 minutos foi a vez de Ronaldinho Gaúcho criar dificuldades para o goleiro Cléber ao fazer um cruzamento fechado que quase surpreendeu o jogador do Madureira. Aos 26 e 27 minutos, o meia Galhardo obrigou Cléber a duas defesas difíceis. Nessa altura da partida, o Flamengo dominava inteiramente o jogo enquanto o Madureira apenas se defendia.

Aos 31 minutos, Ronaldinho subiu mais do que a zaga mas a bola saiu. Logo depois foi a vez de Thiago Neves cabecear com grande perigo.

Quando tudo indicava que o Flamengo marcaria seu gol, o Madureira saiu na frente aos 34 minutos em lance de infelicidade do zagueiro Wellinton que tentou afastar de primeira e acabou colocando a bola dentro do seu gol sem qualquer chance de reação para o goleiro Felipe. O gol deixou o Flamengo desnorteado e o Madureira teve nova chance aos 38 minutos em chute forte de Rodrigo que foi bem defendido pelo goleiro Felipe.

nullSem outra opção, o Flamengo passou a pressionar em busca do gol de empate o que acabou acontecendo aos 42 minutos em chute cruzado de Leonardo Moura depois de ótimo passe de Wanderley.

Os dois times voltaram para o segundo tempo da mesma forma como terminaram na etapa inicial. O Flamengo pressionando em busca do segundo gol enquanto o time de Conselheiro Galvão só se defendia. Aos quatro minutos, Diego Maurício que entrou no intervalo chutou da entrada da área e o goleiro Cléber teve que se empenhar para defender.

Vanderlei trocou Wanderley por David para tentar furar a defesa do Madureira mas foi o time suburbano que desempatou aos 12 minutos em jogada individual de Michel que se livrou de Wellinton e Galhardo e tocou com categoria no canto direito de Felipe.

O Flamengo voltou ao ataque e Diego Maurício aos 15 chutou com perigo. Logo depois foi a vez de Galhardo. Aos 18 minutos, o Madureira chegou ao terceiro gol. Em contra-ataque rápido, Adriano Magrão recebeu na entrada da área e rolou para Baiano que entrava pela esquerda. Baiano esperou a saída do goleiro Felipe e tocou o fundo das redes.

AE
Ronaldinho passou em branco no empate diante do Madureira
O time rubro-negro foi para o tempo técnico debaixo de vaias. Além disso, a torcida hostilizou o técnico Vanderlei Luxemburgo gritando pelo nome de Adriano e pedindo a saída do treinador Aosd 23 minutos, Ronaldinho Gaúcho cobrou falta na entrada da área e Cléber defendeu com segurança. Aos 28 minutos, Ronaldinho chutou de forma bisonha e recebeu as primeiras vaias por parte dda torcida.

Aos 29, Thiago Neves lançou Diego Maurício pela esquerda e o cruzamento perfeito encontrou Deivid livre na pequena área para marcar o segundo gol da equipe rubro-negra. O gol reanimou o Flamengo enquanto o Madureira recuou para defender o resultado e não conseguia mais sequer trocar passes, O Flamengo chegou ao empate aos 37 minutos em chute de Thiago Neves de fora da área.

Nos minutos finais, o Flamengo pressionou, mas o Madureira resistiu e acabou segurando o empate.

FICHA TÉCNICA - FLAMENGO 3 X 3 MADUREIRA

Local: Estádio Cláudio Moacyr, em Macaé (RJ)
Data: 27 de março de 2011, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Pathrice Maia (RJ)
Assistentes: Ediney Mascarenhas (RJ) e Marco Aurélio Pessanha (RJ)
Cartões Amarelos: Botinelli(Fla)Abedi(Mad)
Gols: FLAMENGO: Leonardo Moura aos 42 minutos do primeiro tempo; Deivid aos 29 e Thiago Neves aos 37 minutos do segundo tempo
MADUREIRA: Wellinton, contra, aos 34 minutos do primeiro tempo; Nichael aos 12 minutos e Baiano aos 18 minutos do segundo tempo

FLAMENGO: Felipe, Leonardo Moura, Wellinton, David Braz e Egídio; Maldonado, Lorran(Diego Maurício), Galhardo (Botinelli)e Thiago Neves; Ronaldinho Gaúcho e Wanderley(Deivid)
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

MADUREIRA: Cléber.Caio Cezar, Luiz Otávio, Douglas Assis e Nil; Vinicius, Michel(Alex Silva), Rodrigo e Abedi(Gomes); Baiano e Adriano Magrão(Maciel)
Técnico: Antonio Carlos Roy

Leia tudo sobre: flamengomadureiracampeonato carioca 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG