Tamanho do texto

Time histórico, que somou 35 jogos sem perder, começou aquela temporada com números iguais ao atual

Ao falar sobre a formação do novo time do Flamengo , o técnico Vanderlei Luxemburgo lembrou o trabalho de Cláudio Coutinho, que iniciou em 1978 a montagem do grupo campeão da Copa Libertadores e do Mundial de Clubes de 1981. A comparação pode ser complicada, mas, nos números, ele tem razão.

Com 13 vitórias em 16 jogos de invencibilidade neste começo de temporada, o Flamengo de 2011 já repete a campanha de 1979. Na época, o time alcançou a marca com a conquista do primeiro turno da Edição Especial do Campeonato Carioca, quando venceu por 3 a 0 o Botafogo, no dia 18 de março.

A sequência do começo de temporada de 1979, que chegou a 35 jogos sem perder, faz parte da maior série invicta da história do futebol brasileiro. O Flamengo acumulou 52 jogos de invencibilidade entre outubro de 1978 e maio de 1979, igualando a marca do Botafogo (1977/1978).

Com a série deste ano, o Flamengo de Luxemburgo já está perto da marca de 25 jogos de invencibilidade do início de 1996, a maior desde 1979. Para isso, o time precisará terminar a fase de classificação, semifinal e final da Taça Rio sem perder, além de passar invicto pelas oitavas de final da Copa do Brasil, contra Guarani ou Horizonte-CE.

No total, o Flamengo de Luxemburgo acumula 17 jogos de invencibilidade. No ano passado, o time fechou a temporada com um empate por 0 a 0 com o Santos, na Vila Belmiro, pela última rodada do Campeonato Brasileiro. Em 1996, incluindo os jogos do ano anterior, foram 28 jogos sem perder.

O próximo compromisso do Flamengo será no domingo, às 16h, contra a Cabofriense, em Macaé, pela quarta rodada da Taça Rio. Para este jogo, o técnico não poderá contar com Ronaldinho Gaúcho e Thiago Neves, suspensos por terem levado o terceiro cartão amarelo.