Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Flamengo culpa o árbitro por eliminação

Sandro Ricci expulsou Ronaldo Angelim aos 39 minutos do primeiro tempo no empate em 2 a 2 com o Ceará

Thales Soares, iG Rio de Janeiro |

A culpa pela eliminação do Flamengo na Copa do Brasil caiu sobre o árbitro Sandro Meira Ricci. Conhecido por polêmicas no Campeonato Brasileiro de 2010, ele expulsou Ronaldo Angelim, aos 39 minutos do primeiro tempo. No fim, o empate em 2 a 2, no Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, classificou o Ceará para a semifinal da competição.

iG Flamengo no Twitter: saiba tudo sobre seu time

“É complicado jogador com dois a menos”, ironizou Felipe. “Ele expulsou o Angelim e depois só administrou o jogo. Falei para ele que aqui no campo não dava, mas que no vestiário poderia pegar a camisa do Ceará”, emendou o goleiro do Flamengo, que chegou a ir para o ataque no último minuto tentar a classificação.

A irritação dos jogadores em campo aconteceu porque o árbitro não havia marcado falta de Angelim sobre Osvaldo e mudou de ideia, atendendo o chamado do assistente Roberto Braatz. O zagueiro do Flamengo levou o segundo cartão amarelo e, consequentemente, acabou sendo expulso.

“O Flamengo jogou o que deveria jogar e teve seu resultado no primeiro tempo prejudicado pelo árbitro. Como ele pode dar cartão amarelo numa jogada em que sequer marcaria falta. Ninguém entendeu”, reclamou Renato.

O Flamengo, agora, só volta a jogar no dia 21 de maio, contra o Avaí, na primeira rodada do Campeonato Brasileiro. A CBF definiu na quarta-feira que a partida será disputada no Estádio Cláudio Moacyr Azevedo, em Macaé.

Leia tudo sobre: FlamengoCopa do Brasil 2011Ceará

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG