Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Flamengo começa a discutir bônus ao grupo por vaga na Sul-Americana

Premiação por fuga do rebaixamento será de R$ 15 mil para cada jogador. Responsável pela negociação é o técnico Vanderlei Luxemburgo

Thales Soares, iG Rio de Janeiro |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237859516230&_c_=MiGComponente_C

A diretoria do Flamengo prometeu um prêmio de R$ 15 mil para cada jogador pela fuga do rebaixamento para a Série B. O elenco recebeu R$ 5 mil pelo empate com o Corinthians e o restante só será quitado quando não houver mais risco de queda, matematicamente. Mas o grupo já pensa no bônus para a conquista da vaga na Copa Sul-Americana, faltando duas rodadas para o fim do Brasileiro.

Ao contrário do ano passado, quando o capitão Bruno discutia a premiação, este ano o responsável é o técnico Vanderlei Luxemburgo. Ele apenas comunica a decisão ao grupo depois de decidir o valor com a diretoria do clube. A expectativa é de que a premiação total chegue a R$ 25 mil em caso de classificação para a Sul-Americana.

Em 2009, com a conquista do título brasileiro, alguns jogadores chegaram a receber R$ 50 mil de prêmio, além dos bichos casados elaborados pela diretoria que comandava o futebol na época. Agora, não há pagamento por vitórias durante a competição.

Domingo, o Flamengo enfrenta o Cruzeiro, em Volta Redonda. Atualmente, o time soma 43 pontos e com uma vitória se livra matematicamente do rebaixamento para a Série B.

Leia tudo sobre: campeonato brasileiroflamengofutebol

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG