Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Fla x Botafogo tem técnicos protagonistas por uma vaga na final

Com histórias marcantes, Luxemburgo e Joel se enfrentam no clássico 16 anos depois da final de 1995

Thales Soares, iG Rio de Janeiro |

Dezesseis anos depois, Vanderlei Luxemburgo e Joel Santana estarão frente a frente em um clássico carioca. Neste domingo, às 16h, no Engenhão, os comandantes de Flamengo e Botafogo, respectivamente, decidem quem vai enfrentar o Boavista, que eliminou o Fluminense, na final da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca.

No dia 25 de junho de 1995, Joel Santana levou a melhor. No comando do Fluminense, venceu o Flamengo de Romário e Luxemburgo por 3 a 2 e conquistou o título carioca no ano do centenário do rival. O confronto entrou para a história com o gol de barriga marcado por Renato Gaúcho nos últimos minutos.

Agora, Luxemburgo novamente comanda o Flamengo, desta vez no centenário do futebol do clube, e com uma grande estrela contratada, no caso Ronaldinho Gaúcho. Joel tem o Botafogo sob a sua batuta, sempre com o mesmo jeito cativante, com um time que se vale do conjunto para superar os rivais, semelhante ao Flu de 1995.

“Não vem fazer o tico-tico no fubá, é um clássico de 40 mil pessoas, o Brasil vai parar para ver. Além disso, todos os jogos entre Botafogo e Flamengo são diferentes. Você vai vir aqui para ver um grande jogo. Por isso tem um paladar único essa partida. Agora, em relação ao profissional de lá, eu tenho respeito. Trabalhei 10 anos com o Antônio Mello, conheço aquela casa muito bem. Tem que ter respeito”, explicou o técnico do Botafogo. 

Esse jeito Joel Santana de ser é uma das armas do time para superar o Flamengo mais uma vez na semifinal da Taça Guanabara. Em 2010, com uma vitória por 2 a 1, eliminou o rival. O time superou uma goleada sofrida para o Vasco por 6 a 0 na fase de classificação e levou o título da competição. 

“O Joel se faz de morto para pegar o coveiro. Ele é vivo, joga uma conversinha aqui, outra ali. É danado mesmo. Ninguém faz sucesso por acaso. Ele é extremamente competente, do jeito dele de dar entrevistas. Vamos preparar duas equipes para um grande clássico”, afirmou Luxemburgo. 

Em campo, o técnico do Flamengo ainda tenta encontrar a melhor forma de o time jogar com Ronaldinho e Thiago Neves, enquanto Joel precisa procurar um substituto para Marcelo Mattos, um dos pilares do Botafogo, que ainda não perdeu com a camisa do clube. 

Os dois times são os únicos invictos no Campeonato Carioca. O Botafogo acabou em segundo lugar por causa de dois empates, com Bangu e Olaria, enquanto Flamengo terminou a fase de classificação com 100% de aproveitamento. A decisão da vaga está em jogo e o destino dos clubes vai mudar em apenas uma partida. Afinal, é mais um Flamengo x Botafogo, para variar. 

FICHA TÉCNICA – FLAMENGO X BOTAFOGO

Local: Engenhão, no Rio de Janeiro
Data: 20 de fevereiro de 2011, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Luiz Antônio Silva dos Santos (RJ)
Assistentes: Ricardo Maurício Ferreira de Almeida e Eduardo de Souza Couto (ambos do RJ)

Flamengo:
Felipe, Leonardo Moura, David, Welinton e Ronaldo Angelim; Maldonado (Fernando), Willians, Thiago Neves, Ronaldinho Gaúcho e Renato; Deivid.
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

 Botafogo:
Jéfferson, Antônio Carlos, João Filipe e Márcio Rosário; Alessandro, Arévalo, Somália, Renato Cajá e Márcio Azevedo; Herrera e Loco Abreu.
Técnico: Joel Santana
 

Leia tudo sobre: Campeonato Carioca 2011FlamengoBotafogo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG