Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Figueirense empata partida de seis gols e salva invencibilidade

Duelo dos melhores colocados do Catarinense acabou 3 a 3. Criciúma bateu Metropolitano com 2 de Schwenck

Gazeta |

A partida entre os até então dois primeiros colocados do Campeonato Catarinense foi, como se esperava, com gols de sobra. Visitante, o Figueirense saiu na frente, já no segundo tempo, mas levou a virada e buscou o empate por 3 a 3 com a Chapecoense e se manteve invicto.

O resultado mantém ao menos provisoriamente a equipe da capital na primeira colocação, agora com 12 pontos conquistados - o Joinville, que soma nove pontos, enfrenta o Avaí ainda nesta quarta-feira e pode tomar a ponta. Já o time de Chapecó cai de segundo para terceiro, com 11.

Todos os gols na Arena Condá saíram depois do intervalo. O primeiro deles saiu com um minuto da etapa final, com Renato. Em quinze minutos, porém, Aloísio anotou dois gols e pôs a Chapecoense em vantagem. Aos 18, Breitner marcou e deixou tudo igual novamente.

O marcador não parou por aí. Com 34 minutos, Everton Cezar fez 3 a 2 para a equipe da casa, que novamente ia tirando a invencibilidade e a liderança do adversário. Mas João Paulo, dois minutos mais tarde, anotou o terceiro do Figueirense na partida e decretou a igualdade.

Em outro duelo desta quarta-feira, Schwenck brilhou e fez os dois gols da vitória do Criciúma por 2 a 0 sobre o Metropolitano, o primeiro aos 15 e o segundo aos 37 do segundo tempo.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG