Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Figueirense e Avaí empatam em clássico muito disputado

O Figueirense abriu o placar com Héber. Rafael Coelho e William viraram para o Avaí, mas Wellington empatou para os donos da casa

Gazeta |

Apesar de viverem momentos opostos na tabela, o que se viu no Orlando Scarpelli foi um jogo muito equilibrado e, principalmente, disputado. Ambas as equipes tiveram inúmeras chances de gols e poderiam ter saído com a vitória. O resultado, porém, foi um empate por 2 a 2, pela sétima rodada do Campeonato Catarinense. O Figueirense abriu o placar com Héber. Rafael Coelho e William viraram para o Avaí, mas Wellington empatou para os donos da casa.

O jogo
Inflamado pela torcida, o Figueirense começou a partida indo para cima do rival. Primeiro Ygor tentou, mas foi Héber quem conseguiu abrir o placar. Aos quatro minutos, ele tabelou com Wellington pela esquerda, deu um giro, invadiu a área e tocou no canto esquerdo de Zé Carlos, para fazer seu quarto gol no Estadual. Logo depois, aos sete minutos, Wellington acertou o travessão.

O Figueirense dominava a partida e, com mais posse de bola, tentava construir as jogadas de ataque. Aos poucos, o Avaí começou a equilibrar as ações de jogo, avançando a marcação. A tática surtiu efeito e, aos 11 minutos, no primeiro lance ofensivo do Leão, Rafael Coelho empatou. O atacante, ex-Figueira, pegou a sobra dentro da área, ajeitou o corpo e mandou para o fundo das redes com a perna esquerda.

Futura Press
João Paulo do Figueirense e Rafael Coelho do Avaí correm atrás da bola no clássico Catarinense

Inspirado, Rafael Coelho tentou a virada, aos 15 minutos, em chute de fora da área. O arremate, porém, saiu por cima do gol. Em resposta, Ygor, chutou de primeira, após cruzamento, e mandou à esquerda de Zé Carlos. Mais tarde, aos 39, Ygor rolou na medida para Maicon, que finalizou de primeira, para boa defesa do goleiro adversário. No último lance do primeiro tempo, foi a vez do Avaí assustar. Marquinhos cruzou para o estreante William cabecear, levando perigo ao gol de Wilson.

Na segunda etapa, porém, William não desperdiçou. Logo aos sete minutos, Fabiano tocou para Rafael Coelho que cruzou para o atacante completar para o fundo das redes. A torcida avaiana, porém, não pôde comemorar por muito tempo. Após cobrança de escanteio, aos 14 minutos, Wellington subiu mais alto que a defesa e deixou tudo igual no placar.

Em jogo muito equilibrado, quase que Rafael Coelho marcou para deixar o Avaí novamente na frente. Após cruzamento de Marquinhos, o atacante cabeceou na trave, aos 28 minutos. O Figueirense respondeu com Héber que, na cara do gol, pegou muito embaixo da bola e chutou por cima. Na reta final, o jogo ficou truncado. Para não correr o risco de levar o gol, ambas as equipes abdicaram de atacar e pareceram satisfeitas com o empate.

Leia tudo sobre: FigueirenseAvaíCampeonato Catarinense 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG