Tamanho do texto

Em razão de uma antiga dívida com um clube do Catar, Luis Fernandez estava impedido de comandar a seleção israelense

selo

A Fifa anunciou nesta segunda-feira que anulou a suspensão de Luis Fernandez, técnico da seleção de Israel. O treinador foi punido pelo órgão máximo do futebol mundial no mês passado porque ele não tinha obedecido a uma decisão de novembro de 2009 do comitê disciplinar a respeito de uma antiga dívida que ele tinha com um clube do Catar.

A dívida já foi paga, e a Fifa afirmou que Fernandez foi liberado para treinar a seleção de Israel nas Eliminatórias da Eurocopa de 2012, em partidas contra a Letônia e a Geórgia, marcadas para o final de março. "Eu acertei as coisas com a Fifa para que eu possa estar com a minha equipe", afirmou Fernandez. "Agora, todo mundo tem que ter um objetivo, ganhar seis pontos nos dois próximos jogos contra a Letônia e a Geórgia".

O francês, de 51 anos, assumiu o comando da seleção de Israel em março de 2010. "Nós estamos satisfeitos com o anúncio oficial da Fifa e desejamos a Luis muita sorte", afirmou Avi Luzon, presidente da Associação de Futebol de Israel e membro do comitê executivo da Uefa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.