Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Festa do título do Fluminense prossegue na entrega do prêmio Craque do Brasileirão

O atual campeão brasileiro foi o destaque durante a cerimônia de entrega dos troféus, no Teatro Municipal, no Rio de Janeiro, vencendo cinco categorias

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237882131423&_c_=MiGComponente_C

A festa pelo título brasileiro do Fluminense, que começou domingo, no Engenhão, após a vitória sobre o Guarani, continou na noite desta segunda-feira. O time carioca ganhou o maior número de troféus do 6º prêmio Craque do Brasileirão, organizado pela CBF e realizado no Teatro Municipal do Rio de Janeiro. O Fluminense venceu em cinco categorias, com destaque para o meia argentino Conca, eleito melhor meia esquerda, Craque da Galera e Craque do Campeonato.

Também acabaram premiados pelo atual campeão brasileiro Mariano (melhor lateral-direito) e Muricy Ramalho (melhor técnico). No Corinthians, os escolhidos foram Roberto Carlos (lateral-esquerdo), Jucilei (volante direito), Elias (volante esquerdo) e Bruno César (revelação). Jonas, do Grêmio, recebeu seu prêmio por ter sido o artilheiro do Brasileirão, com 23 gols.

AE
Elias recebe o troféu de melhor volante esquerdo

Ao ser chamado para abrir a cerimônia, o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, chegou a ouvir algumas vaias da plateia do Teatro Municipal, antes de começar o seu discurso, onde fez diversos elogios ao sistema de pontos corridos, que classificou como "consolidado".

Dois momentos marcaram a cerimônia: a homenagem aos jogadores tricampeões mundiais em 1970, no México, e um prêmio especial ao atacante Ronaldo Fenômeno, do Corinthians, que mesmo emocionado pelo troféu, aproveitou para criticar alguns torcedores do Fluminense que, mais exaltados, ficaram ofendendo os jogadores de outras equipes.

No final da festa, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi chamado para homenagear o Corinthians, em razão do ano do centenário do clube. E teve que ouvir a torcida provocando, gritando "centenada, centenada". Até que o presidente Andrés Sanchez, ao mesmo tempo em que cumprimentava o Fluminense pelo título, deu uma cutucada no time carioca, que voltou para a elite do futebol brasileiro graças à Copa João Havelange, em 2000. Uma estrondosa vaia começou a ser dada neste instante no Teatro Municipal.

Gazeta Press
Jogadores recebem a taça do Campeonato Brasileiro 2010

A cerimônioa terminou em ritmo de festa, com a entrega do troféu de campeão brasileiro aos jogadores do Fluminense, que fizeram uma grande festa no palco. Também foram premiados os times que subiram de divisão este ano, como o ABC - campeão da Série C -, e o Coritiba, campeão da Série B.

Veja os jogadores e os treinadores premiados, divididos nas seleções de ouro, prata e bronze:

OURO PRATA BRONZE
Fábio (CRU) Victor (GRE) Jefferson (BOT)
Mariano (FLU) Jonathan (CRU) Léo Moura (FLA)
Dedé (VAS) Alex Silva (SP) Chicão (COR)
Miranda (SP) Réver (CAM) Leandro Euzébio (FLU)
Roberto Carlos (COR) Kléber (INT) Diego Renan (CRU)
Jucilei (COR) Fabrício (CRU) Willians (FLA)
Elias (COR) Arouca (SAN) Marcos Assunção (PAL)
Montillo (CRU) D'Alessandro (INT) Paulo Baier (CAP)
Conca (FLU) Bruno César (COR) Douglas (GRE)
Jonas (GRE) Thiago Ribeiro (CRU) Éder Luís (VAS)
Neymar (SAN) Kléber (PAL) Loco Abreu (BOT)
Muricy Ramalho (FLU) Cuca (CRU) Renato Gaúcho (GRE)

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG