Segundo técnico, Zigic colocou a mão na bola no gol que deixou a partida igual na Inglaterra

O Manchester United deixou escapar uma vitória fora de casa contra o Birmingham, na última terça-feira, depois de sofrer um gol aos 44 minutos do segundo tempo, marcado por Lee Bowyer, que decretou o empate por 1 a 1. O lance do tento adversário, porém, causou revolta no técnico Alex Ferguson, que viu o atacante Nikola Zigic colocando a mão na bola para servir o seu companheiro de equipe.

"Existiu mão na bola. Se o árbitro não conseguiu ver o lance, o que é que posso fazer. A este nível, num jogo desta importância, tinha a esperança que o tivesse sido escolhido um árbitro que conseguisse ver este tipo de lances", lamentou o comandante ao canal Sky Sports .

No lance do gol do Birmingham, além do suposto toque de mão de Zigic, há ainda um empurrão de Kevin Phillips nas costas do zagueiro Rio Ferdinand, que impossibilitou o defensor de seguir na jogada.

Para Ferguson, o empate do adversário não apagou a boa atuação de sua equipe, que marcou o primeiro gol aos 13 minutos do segundo tempo com o búlgaro Berbatov. Segundo o comandante, seu time merecia melhor sorte no placar final.

"Não tenho queixas com o meu time, lutamos muito, jogamos com força e tivemos apenas dois dias para descansar. Eu acho que merecíamos vencer o jogo. Fomos o melhor time, mas talvez teríamos que ter aumentado o placar quando estava 1 a 0", analisou.

Com o empate da última terça-feira o Manchester United perdeu a chance de se isolar mais uma vez na liderança do Campeonato Inglês. Agora, a equipe está empatada com o rival da cidade, o Manchester City, na primeira colocação, com 38 pontos, mas tem dois gols a menos. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.