Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Ferguson diz que árbitro que suspendeu Rooney estava sob pressão

Jogador foi punido porque depois que marcou seu terceiro gol contra Manchester City falou palavrões que foram captados na TV

EFE |

O técnico Alex Ferguson, do Manchester United, disse nesta sexta-feira que o árbitro Lee Mason, que pediu à Federação inglesa uma punição de duas partidas para Wayne Rooney, estava "sob pressão".

"A situação que se encontra é muito difícil. Lamento muito por ele, realmente. Não sei para onde vai a sua carreira", disse Ferguson em entrevista coletiva. Rooney e o clube inglês consideram "excessiva" a suspensão imposta pela FA (Federação inglesa de Futebol). O jogador foi punido, porque depois que marcou seu terceiro gol contra o Manchester City falou alguns palavrões que foram captados pelas câmeras.

O técnico do City, Roberto Mancini, também expressou nesta sexta seu desacordo com a suspensão de Rooney. "Não há lugar no regulamento que diga que dizer palavrões diante das câmaras implica em uma suspensão de duas partidas. Criaram uma nova lei esta semana", declarou.

Leia tudo sobre: manchester unitedinglaterrafutebol mundialrooney

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG