Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Felipe não critica torcida vascaína por baixo público

A torcida está correta porque o Vasco deixou muito a desejar. É uma torcida que está acostumada a títulos, disse jogador

Gazeta Esportiva |

Quase sem chances de obter uma vaga na Copa Libertadores da América do ano que vem, e também sem correr grandes riscos de rebaixamento para a Série B, o Vasco não tem conseguido motivar a sua torcida a comparecer ao Estádio São Januário. No último jogo no local, na última quinta-feira, quando o time venceu o Prudente por 2 a 1, apenas 2.474 pessoas pagaram ingresso para assistir ao duelo. Para o meia Felipe, o mau desempenho dentro de campo justifica o baixo público.

"A torcida está correta porque o Vasco deixou muito a desejar. É uma torcida que está acostumada a títulos. Não condeno que não tenham aparecido em São Januário", afirmou o veterano.

Para reverter a má imagem perante a torcida, o Vasco terá um clássico contra o Fluminense, às 19h30 (de Brasília) deste domingo, no Engenhão. O duelo, para Felipe, é ideal para trazer novamente o apoio da massa vascaína à equipe.

"O futebol é bom por causa disso: a cada semana te dá uma oportunidade de reverter essas situações. E nada melhor que uma vitória no clássico para trazer a torcida de volta", comentou.

Felipe, no entanto, lamentou que um clássico de tanta rivalidade não tenha sido marcado para o maior estádio do Brasil.

"O Maracanã seria o palco ideal para esse jogo. O campo do Engenhão, da última vez que joguei lá, melhorou um pouco, mas não é o ideal. Até pela quantidade de jogos e treinos que acontecem lá, há um desgaste grande", lembrou.

Leia tudo sobre: campeonato brasileirovasco

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG