O meia destacou que pretende continuar trabalhando forte para receber novas oportunidades do técnico Muricy Ramalho

Com apenas 18 anos, o meia Felipe Anderson participou de algumas partidas da campanha do título paulista deste ano. Esse foi o primeiro título conquistado pelo jovem meio-campista, desde que subiu para o time principal do Santos , no final do ano passado. 

Feliz por ter participado da trajetória vitoriosa dos santistas no Paulistão, Felipe Anderson contou a sua emoção de ser campeão nos profissionais pela primeira vez. "É um orgulho muito grande poder fazer parte desse grupo maravilhoso de jogadores do Santos. O time todo está de parabéns pelo que apresentou durante a competição", disse.

Inscrito na lista dos alvinegros para a Copa Libertadores da América, o meia destacou que pretende continuar trabalhando forte para receber novas oportunidades do técnico Muricy Ramalho no futuro.

"As coisas estão acontecendo naturalmente para mim no Santos. Estou procurando aproveitar as oportunidades e o convívio com grandes jogadores e com o Muricy da melhor forma possível. Com certeza, mais chances irão surgir. Vou trabalhar forte para estar bem preparado quando isso acontecer", comentou.

Já sobre o Once Caldas (Colômbia), adversário desta quarta-feira, às 22 horas (horário de Brasília), no Pacaembu, pelo jogo de volta das quartas de final da Libertadores, Felipe Anderson acredita que o Santos não pode se acomodar com a vantagem do empate, adquirida após a vitória por 1 a 0, em Manizales (Colômbia), na semana passada.

"Podemos chegar a mais uma decisão na quarta. Comemoramos muito no domingo e na segunda-feira, mas agora vamos focar na nossa participação na Libertadores para que mais coisas boas possam vir por aí. No futebol a gente tem que se superar todos os dias, ainda mais num clube da grandeza do Santos. Não podemos parar", encerrou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.