Tamanho do texto

Treinador do Palmeiras inicia disputa de seu 14º torneio continental por um clube brasileiro

Luiz Felipe Scolari inicia nesta quinta-feira, diante do Vasco , a disputa da sua 14ª competição sul-americana da carreira. O jogo marcado para as 21h50, em São Januário, vale pela Copa Sul-Americana deste ano e ainda dá vaga para a Libertadores de 2012, competição que o tornou ídolo no Palmeiras .

A marca fica ainda mais impressionante quando se constata os resultados do comandante: São oito semifinais por três equipes diferentes, coisa que reforça seu rótulo de especialista em competições mata-mata.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e receba as notícias do seu time em tempo real

Além da classificação para a semifinal da última Copa Sul-Americana, quando o time caiu de forma vexatória diante do Goiás dentro de casa, Felipão já havia participado de cinco semifinais de Copa Libertadores, quatro de SuperCopas e outras três de copas Mercosul.

Felipão tenta mostrar caminho do sucesso para o Palmeiras
Gazeta Press
Felipão tenta mostrar caminho do sucesso para o Palmeiras


Dessas oito vezes, em duas ocasiões ele não levou o time até a final. A primeira vez aconteceu em 1996, quando o Grêmio não foi à decisão da Libertadores. A segunda, no ano passado, ao ser derrotado pelo rebaixado Goiás.

A última final que o treinador disputou por um clube em uma competição sul-americana foi em 2000, justamente pelo Palmeiras. Na ocasião, seu time, que já contava com Marcos no gol, foi derrotado pelo Boca Juniors, nos pênaltis, em um Morumbi completamente lotado, com cerca de 70 mil torcedores.

Coloque seu time em 1º no ranking da Torcida Virtual do iG Esporte