Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Felipão insiste em minimizar clássico e dá nota 6 para temporada

Treinador do Palmeiras diz que jogo diante do Corinthians não mudará péssimo ano para seu clube

Danilo Lavieri, iG São Paulo |

Nada vai apagar da cabeça de Luiz Felipe Scolari a temporada ruim de 2011. O treinador do Palmeiras classifica o ano como nota 6 e disse que nem mesmo uma vitória diante do Corinthians na última rodada do Campeonato Brasileiro mudará a sua avaliação. Resta saber se o discurso é apenas para manter os ânimos calmos ou se é realmente verdeiro.

Na coletiva da última sexta-feira, o comandante afirmou que o estilo “cavalo paraguaio” de chegar até perto de ir bem e cair na última hora não o agradou e que isso precisa mudar para 2012.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e receba as notícias do seu time em tempo real

“Começamos bem o Paulistão, fomos até a semifinal, e caímos. Fomos até as quartas de final da Copa do Brasil e caímos. Depois, fomos muito bem no 1º turno do Brasileirão e caímos. Por causa disso, a nota é 6. Não tem como dar mais do que isso”, afirmou o pentacampeão.

O torcedor, no entanto, promete esquecer a péssima temporada caso a vitória seja conquistada no Pacaembu repleto de corintianos. O triunfo poderá tirar a taça do arquirrival caso o Vasco consiga uma vitória diante do também rival Flamengo. Até por isso, os palmeirenses já fazem campanha para que o time jogue com a camisa listrada e aguardam ansiosamente pela escalação de Marcos , só para lembrar das decisões de 1999 e 2000, quando o goleiro foi o protagonista.

AE
Felipão deu mais duras do que elogios neste ano


Nada disso anima Felipão. Mantendo a sequência de declarações pacificadoras ao longo da semana, o treinador afirma que o arquirrival já é campeão, pois não acredita que o Vasco conseguirá bater o Flamengo. Ele jura encarar o jogo como apenas mais uma disputa de três pontos.

“A decisão é para quem? Vocês (imprensa) que estão criando esse clima, vocês que respondam se é decisivo. Para a gente, é mais três pontos. Claro que tem a motivação de ganhar o clássico, mas não somos nós que vamos tirar a taça. É o Vasco. E pela matemática, é muito possível que o Corinthians seja campeão”, explicou Felipão.

Na manhã desta sábado, o Palmeiras faz o último treino sob o comando de Felipão no ano. As dúvidas ficam por conta de Thiago Heleno, que precisa do aval médico para jogar, Marcos, que não atua desde 18 de setembro, e Maikon Leite, que treinou após um longo período de afastamento. Márcio Araújo teve um pequeno problema durante os treinamentos de quinta-feira, mas não deve preocupar o técnico.

Leia tudo sobre: palmeirascorinthiansbrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG