Treinador do Palmeiras diz que fica observando diariamente o comportamento da imprensa no CT

Na intensa caça aos fofoqueiros do Palmeiras, Luiz Felipe Scolari diz só ficar esperto e manter os olhos bem abertos contra aqueles que ele considera possível problema. Segundo o treinador, em nenhum momento ele comunica a diretoria sobre pessoas que podem estar prejudicando o ambiente do clube.

A briga contra os "X-9s", aliás, ganhou força com a chegada de César Sampaio, que praticamente abriu a sua coletiva de imprensa de apresentação afirmando que caçaria de todas as formas as pessoas que estão contra o clube.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e receba as notícias do seu time em tempo real

“Eu não falo nada. Fico só observando. Vocês (jornalistas) ficam olhando para o campo, vendo o treino, não é? E eu fico olhando para vocês, vendo quem encosta na grade, quem dá água, quem não dá”, disse o misterioso Felipão. “Mas eu não falo para ninguém. Apenas fico com o pé atrás com quem desconfio”, afirma.

Arnaldo Tirone chegou a afirmar que o problema de vazamento de informações ficava na estrutura viciada do Centro de Treinamento. Segundo ele, já há um esquema para que as informações sejam repassadas à imprensa.

O treinador não concorda de forma integral com seu presidente e afirma que a inauguração dos prédios na Nova Arena pode mudar o panorama das informações que vazam, especialmente pela diminuição das pessoas que transitam no local de jogadores e imprensa.

Felipão já deixou claro que quer reforços para a próxima temporada no Palmeiras
AE
Felipão já deixou claro que quer reforços para a próxima temporada no Palmeiras

“Temos que entender que neste momento estamos ouvindo o barulho aqui de jogos (no momento da entrevista, o time de basquete disputava um jogo no ginásio) e pessoas que circulam aqui livremente todos os dias e não só vocês. Nós não temos o domínio completo da área aqui, mas quando o prédio da Arena ficar pronto, tudo vai melhorar. Aliás, o prédio está ficando bem bonito, vocês deviam visitar”, completou.

Durante o ano, Luiz Felipe Scolari não cansou de reclamar do problema de vazamento de informações e chegou a até a colar cartazes no vestiário pedindo cuidado com conselheiros que vazam informações, citando o nome de Gilto Avallone.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.