Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Felipão diz fazer lobby para São Paulo receber seleções na Copa

Técnico do Palmeiras afirmou que sugeriu o Estado para dirigentes que o consultaram

Paulo Passos, iG São Paulo |

Gaúcho de Passo Fundo, Luiz Felipe Scolari diz não ter dúvidas quando dirigentes de seleções o perguntam onde devem se instalar durante a Copa de 2014. O técnico do Palmeiras afirmou nesta quinta-feira, durante palestra no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista, que sugeriu o estado de São Paulo para dirigentes de seleções que o consultaram.

FIFA: Anhangabaú será a sede da 'fan fest' da Copa em São Paulo

"Tenho batalhado bastante com algumas seleções com quem tenho amizade, como Japão, Coreia do Sul e Portugal para que elas já tenham em seu pensamento que São Paulo é o melhor lugar para ficar" afirmou tecnico palmeirense

BASTIDORES: Scolari reclama de boatos contra Sampaio e "fofocas" no Palmeiras

Scolari foi convidado pelo governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, para falar sobre a estrutura necessária nos centros de treinamento que receberão equipes durante a Copa do Mundo. "Acho que as coisas mais importantes para uma seleção são privacidade, centro de treinamento com no mínimo dois campos excelentes, boa aparelhagem de academias e, se possível, que tenhamos o hotel dentro do CT", disse o treinador.

PROBLEMAS: Trabalhadores ameaçam greve nacional em estádios da Copa

Ao lado de Alckmin, Scolari elogiou São Paulo. Segundo ele, o estado tem as melhores estradas e a melhor polícia do pais. "Cobra-se muito e exige-se muito, mas não se vê o que temos por aqui. Os batedores da polícia daqui, que fazem a escolta, são os melhores que ja vi. Temos que valorizar mais as coisas", afirmou o técnico.

RETRANCA: Felipão renega liderança e diz que usa até "três goleiros" para vencer

Felipão disputou duas Copas do Mundo com Brasil e com Portugal. Além disso, treinou a seleção do Kuwait. Perguntando se iria trabalhar em alguma equipe no Mundial de 2014, descartou. "Vou trabalhar no Palmeiras", respondeu rindo.

Leia tudo sobre: copa 2014palmeirasfelipãoluiz felipe scolari

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG