Técnico do Palmeiras afirmou que sugeriu o Estado para dirigentes que o consultaram

Gaúcho de Passo Fundo, Luiz Felipe Scolari diz não ter dúvidas quando dirigentes de seleções o perguntam onde devem se instalar durante a Copa de 2014 . O técnico do Palmeiras afirmou nesta quinta-feira, durante palestra no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista, que sugeriu o estado de São Paulo para dirigentes de seleções que o consultaram.

FIFA: Anhangabaú será a sede da 'fan fest' da Copa em São Paulo

"Tenho batalhado bastante com algumas seleções com quem tenho amizade, como Japão, Coreia do Sul e Portugal para que elas já tenham em seu pensamento que São Paulo é o melhor lugar para ficar" afirmou tecnico palmeirense

BASTIDORES: Scolari reclama de boatos contra Sampaio e "fofocas" no Palmeiras

Scolari foi convidado pelo governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, para falar sobre a estrutura necessária nos centros de treinamento que receberão equipes durante a Copa do Mundo . "Acho que as coisas mais importantes para uma seleção são privacidade, centro de treinamento com no mínimo dois campos excelentes, boa aparelhagem de academias e, se possível, que tenhamos o hotel dentro do CT", disse o treinador.

PROBLEMAS: Trabalhadores ameaçam greve nacional em estádios da Copa

Ao lado de Alckmin, Scolari elogiou São Paulo. Segundo ele, o estado tem as melhores estradas e a melhor polícia do pais. "Cobra-se muito e exige-se muito, mas não se vê o que temos por aqui. Os batedores da polícia daqui, que fazem a escolta, são os melhores que ja vi. Temos que valorizar mais as coisas", afirmou o técnico.

RETRANCA: Felipão renega liderança e diz que usa até "três goleiros" para vencer

Felipão disputou duas Copas do Mundo com Brasil e com Portugal . Além disso, treinou a seleção do Kuwait. Perguntando se iria trabalhar em alguma equipe no Mundial de 2014 , descartou. "Vou trabalhar no Palmeiras ", respondeu rindo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.