Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Felipão defende invencibilidade contra o Grêmio pelo Palmeiras

Treinador nunca perdeu da equipe gaúcha enquanto esteve com o uniforme do time paulista

Danilo Lavieri, iG São Paulo |

Além da invencibilidade do Palmeiras dentro de casa neste ano, Luiz Felipe Scolari também defende a marca de nunca ter sido derrotado pelo Grêmio enquanto esteve à frente da equipe do Palestra Itália. São três vitórias e um empate.

No último encontro, quando o time paulista enfrentou os gaúchos no Olímpico pelo 2º turno do Brasileirão no ano passado, Marcos Assunção e Ewerthon marcaram os gols da vitória por 2 a 1. Além disso, em 1997, o Palmeiras aplicou uma goleada por 5 a 1. Dois anos depois, o triunfo foi por 6 a 0. O único empate que aconteceu em 1998, quando o placar terminou no 1 a 1.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e receba as notícias do seu time em tempo real

“Não tem nada diferente enfrentar o Grêmio, apenas que, como sempre falei, nunca escondi, que sou grande torcedor do Grêmio. E aí é sempre pior enfrentar, porque tenho a obrigação de ganhar. Se eu perder, já vão falar que é porque eu sou gremista. Se eu perder, vou ser cobrado, se ganhar, só fiz meu trabalho”, afirmou Felipão.

AE
No Palmeiras, Felipão já virou até boneco


Quando defendia o Grêmio, Felipão também leva a pior contra o Palmeiras. O treinador enfrentou sua atual equipe enquanto esteve no lado gaúcho em 17 ocasiões. Foram oito vitórias palmeirenses, contra três gremistas, além de outros seis empates.

Neste sábado, Celso Roth reestreia como treinador do Grêmio. O comandante gremista já trabalhou como auxiliar de Luiz Felipe Scolari no início de sua carreira.

Coloque seu time em 1º lugar no ranking da Torcida Virtual do iG Esporte


“O Roth é um amigo, companheiro que começou comigo e passou a treinador no Kuwait. De lá para cá, temos mantido boa amizade e ele conhece meus métodos eu conheço os deles. O que muda são os jogadores. O importante de amanha é dar um abraço no Celso, no Paixão”, finalizou.

Leia tudo sobre: palmeirasgrêmioluiz felipe scolari

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG