Com o empate contra o rebaixado Comercial, o Palmeiras ficou na quinta colocação e enfrentará o Guarani nas quartas

selo

O técnico Luiz Felipe Scolari e Marcos Assunção reconheceram o momento ruim do Palmeiras no Campeonato Paulista e disseram neste domingo que a equipe precisa melhorar se quiser almejar um futuro melhor na competição, que entrará na fase eliminatória no próximo fim de semana. De um lado, o volante admitiu que a equipe tem de sentir vergonha pelo futebol apresentado. Do outro, Felipão deu nota zero para si próprio.

Leia mais: Palmeiras empata e enfrenta Guarani nas quartas em Campinas

Neste domingo, com dois jogadores a mais em praticamente todo o segundo tempo, o alviverde não passou de um e mpate com o rebaixado Comercial, de Ribeirão Preto, em pleno Estádio do Pacaembu, por 2 a 2. Com o resultado, o Palmeiras terá que decidir seu futuro nas quartas de final do Paulistão fora de casa contra o Guarani em partida única. Se tivesse vencido neste domingo, a partida seria em São Paulo.

VEJA AS MELHORES FOTOS DO CAMPEONATO PAULISTA NESTE DOMINGO

Felipão viu o Palmeiras jogar mal e ser vaiado pela torcida no Pacaembu
Futura Press
Felipão viu o Palmeiras jogar mal e ser vaiado pela torcida no Pacaembu


"Temos de ter vergonha. Se continuar desse jeito não chegaremos a nenhum lugar, precisamos melhorar muito", disse Assunção. "O Palmeiras foi mal hoje. Se querem dar uma nota pra mim, é zero. Nas dificuldades, na ânsia de empatar, os jogadores não se posicionaram bem e as viradas de jogo não aconteceram, mas ao menos eles lutaram até o final", comentou Felipão.

Confira a classificação final e os confrontos das quartas do Paulistão 2012

O técnico do Palmeiras não deixou, entretanto, de reclamar da arbitragem num lance que poderia ter definido a vitória da equipe. "Parece-me que eles (atletas) fizeram três gols, mas só validaram dois", completou, referindo-se a um gol do zagueiro Henrique anulado nos acréscimos.

Para a véspera do confronto contra o Guarani, Scolari prometeu que a equipe vai continuar treinando forte na semana. Ele adiantou que poderá promover substituições em algumas posições e até modificar a maneira de jogar do time.

"O torcedor tem razão. Do jeito que jogamos não passamos de fase nenhuma", afirmou o técnico do Palmeiras. "Erramos em algumas bolas que já vínhamos errando e vou fazer uma ou duas mudanças, talvez mudar o esquema", disse.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.