Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Felipão aprova o Canindé, estádio com menos "cara de Corinthians"

Experiência na casa da Portuguesa foi satisfatória. Danilo lembra que Pacaembu é "muito corintiano"

Bruno Winckler, iG São Paulo |

Os jogadores do Palmeiras e o técnico Luiz Felipe Scolari aprovaram a primeira partida da equipe como mandante no Canindé neste Campeonato Paulista. E usaram o rival Corinthians como um dos motivos que podem levar a equipe a mandar novos jogos no estádio da Portuguesa.

"O Pacaembu é do Corinthians. O Canindé, não. A Portuguesa é rival, mas não tanto como o Corinthians. Todo mundo sabe que o Pacaembu é do Corinthians", disse Danilo. Em obras, o Palestra itália só deve voltar a receber jogos do Palmeiras em 2013.

Felipão concordou com a análise do zagueiro, autor do primeiro gol na vitória por 2 a 0 contra o São Bernardo. "Concordo com o Danilo. O Pacaembu é de outras equipes e, se tivermos uma boa conversa com a direção da Portuguesa sobre alguns detalhes, como a altura da grama, podemos jogar aqui. Nosso torcedor chega mais fácil aqui, fomos muito bem recebidos e aqui é mais próximo da nossa casa", disse o técnico.

Para jogar no Canindé, o Palmeiras não pagou aluguel à Portuguesa. No Pacaembu, a taxa que deve ser paga à administração do estádio municipal é de 17% a 20% da renda. Contra o São Bernardo, a renda da partida foi de R$ 201.630,00. Deste valor, no Pacaembu, seria abatido cerca de R$ 40 mil para o aluguel.

A nova diretoria do Palmeiras, que assumiu no fim de janeiro, fez do corte de gastos sua prioridade neste primeiro ano de gestão.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG