Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Federação turca adia decisão sobre escândalo no futebol

O escândalo de manipulação de resultados no campeonato nacional foi divulgado no início de julho

AE |

selo

A Federação de Futebol da Turquia adiou nesta segunda-feira a decisão sobre possíveis punições aos suspeitos de corrupção no esporte do país. O escândalo de manipulação de resultados no campeonato nacional foi divulgado no início de julho.

A entidade afirmou que vai esperar pela denúncia do promotor público para anunciar as eventuais punições e os detalhes do caso. De acordo com o presidente da federação, Mehmet Aydinlar, a "confidencialidade da investigação" não permite revelar as evidências e os depoimentos dos suspeitos. "Não seria justo ou correto divulgar um veredicto neste estágio [do caso]", declarou. 

Aydinlar adiantou, contudo, que 17 pessoas, incluindo o presidente do Fenerbahçe Aziz Yildirim e dirigentes de outros clubes, vão enfrentar um comitê disciplinar na federação. Mais de 30 pessoas foram acusadas de integrar um esquema que teria afetado o resultado de 19 partidas da última temporada. O campeão Fenerbahçe corre o risco de perder o título e de ser rebaixado para a segunda divisão. 

Ainda sem resultados, a investigação já atrasou o calendário do futebol local. O Campeonato Turco teve seu início adiado em mais de um mês, para o dia 9 de setembro, por conta do escândalo. Aydinlar não revelou se a federação poderá rebaixar um clube depois do início da competição. "Vamos acompanhar o processo primeiro. Depois vamos tomar uma decisão", afirmou.

Leia tudo sobre: futebol mundialturquiacorrupção

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG