Sistema ofensivo passa a ser a principal preocupação. Damião e Bolatti desfalcam time na próxima rodada

Falcão: "Não se pode olhar só o resultado"
Jefferson Bernardes/Vipcomm
Falcão: "Não se pode olhar só o resultado"
O técnico Falcão demonstrou preocupação com a arrancada do Inter no Brasileirão, mas preferiu exaltar alguns pontos positivos após a derrota para o Ceará, no Beira-Rio , pela segunda rodada da competição.

“O resultado claro que não é bom. Analisando o jogo de uma maneira geral foi a única oportunidade de gol do Ceará. O resultado poderia ter sido a vitória, fizemos o suficiente para isso. Não foi exuberante a atuação, mas poderíamos ter vencido. É ruim perder em casa, mas não podemos entender que o time tenha jogado tão mal. Não se pode olhar só o resultado”, explicou.

O comandante do Inter exaltou que o time criou chances de gol. A dificuldade foi a noite inspirada do goleiro Fernando Henrique que acabou barrando os jogadores do Inter.

Construímos quatro situações, e o goleiro salvou três, outra foi pra fora. Poderíamos ter vencido. O Ceará se fechou depois do gol. Aí entra o nervosismo e a pressão. Logo em seguida vem a pressa”, disse.

O Inter volta a campo no próximo domingo, 18h30, em Campo Grande-MS, contra o América-MG. O treinador deixou claro que existe uma maior necessidade de vitória, pois o time tem apenas um ponto. O Inter não terá Leandro Damião , que estará com a seleção brasileira. Bolatti , vestindo a camiseta da Argentina, também será desfalque. O ataque será o maior motivo de preocupação durante a semana. Falcão vê o sistema defensivo em evolução.

“O Ceará foi semifinalista da Copa do Brasil, tem qualidade e tiveram apenas uma chance de gol. Acho que temos que valorizar o trabalho do meio-campo e da defesa que não permitiram que eles criassem chances”, finalizou.null

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.