Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Fábio Rochemback começa ano sem posição e capitania garantidos

Bom momento de Fernando e contratação de Léo Gago aumentam concorrência no Grêmio

Hector Werlang, enviado iG a Bento Gonçalves |

Futura Press
Fábio Rochemback terminou temporada como titular do Grêmio
Embora tenha terminado 2011 como titular, Fábio Rochemback sofreu forte contestação da torcida do Grêmio . Muito pelo pênalti que cometeu em Oscar, consequente gol de D´Alessandro, derrota no Gre-Nal da última rodada do Brasileirão e classificação do Inter à Libertadores.

Mercado da Bola: fique por dentro das últimas negociações do futebol brasileiro

A direção, ao mesmo tempo, à pedido do técnico Caio Júnior, contratou Léo Gago. A concorrência, portanto, aumentou. Há ainda a boa fase de Fernando. Ou seja: o até pouco tempo capitão começa o ano sem titularidade e até braçadeira garantidos.

Twitter iG Grêmio: Notícias e comentários em tempo real

É o próprio Rochemback quem admite o momento:

“Tive um ano bom à exceção das lesões. O Caio chegou e não sei como ele pretende montar o time. Cabe a mim trabalhar para manter a titularidade. A cada ano a disputa se renova, e no futebol é assim mesmo”.

O treinador já conversou com o volante nas entrevistas individuais que faz com todo o grupo. No papo, o assunto “braçadeira de capitão” não foi abordado.

“Pode mudar assim como pode continuar. Acredito não haver diferença. Vamos aguardar a decisão dele”, completou.

O Grêmio volta a treinar na manhã desta segunda-feira. Já com Marcelo Moreno, que se reapresentou com três dias de atraso – havia sido liberado pela direção para tratar da mudança da Ucrânia.

Entre para a Torcida Virtual e convide seus amigos

Leia tudo sobre: grêmiopré-temporadafábio rochemback

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG