Atacante do Wolfsburg deve se transferir em junho. Juventus é a maior interessada em sua contratação

O atacante bósnio Edin Dzeko, do Wolfsburg, não vai permanecer na Alemanha por muito tempo. Desejo de diversos times da Europa, o jogador afirmou que deixará seu atual clube na janela de transferências do meio do ano e que seu destino será a Itália. Segundo o jogador, ele quer brilhar onde seus ídolos, Ronaldo e Shevchenko, brilharam.

"Ficarei no Wolfsburg até junho, depois vou embora. Gostaria de jogar na mesma competição onde jogaram Shevchenko e Ronaldo", revelou o atleta, em entrevista ao jornal italiano Corriere dello Sport .

A revelação frustra os planos do Manchester City, que planejava conseguir contratar o jogador já na janela de transferências de janeiro. Além do City, Chelsea e Real Madrid também desejavam tentar tirar o bósnio da Alemanha no futuro próximo.

Por outro lado, as palavras agitam a Itália, mas principalmente a Juventus, de Turim, que sonha há muito tempo em levar o jogador para vestir a camisa alvinegra.

Aos 24 anos, Dzeko está na sua terceira temporada na Alemanha, onde liderou o Wolfsburg a um título. Com 65 gols marcados, ele é o maior artilheiro da história do clube alemão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.