Ex-dirigente comandou o clube paulista por 10 anos, entre 1961 e 1971, época do jejum de títulos

Wadih Helu, ex-presidente do Corinthians
Reprodução
Wadih Helu, ex-presidente do Corinthians
O Corinthians publicou nesta terça-feira em seu site uma nota de pesar pela morte de Wadih Helu, ex-presidente do clube, que faleceu em São Paulo aos 89 anos. O corpo será velado a partir das 15h, na Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo. O enterro será nesta quarta-feira, às 11h no cemitério do Araçá.

Siga o iG Corinthians no Twitter

Wadih Helu nasceu no dia 15 de março de 1922 em Conchas, no interior de São Paulo. Advogado, Helu foi deputado estadual de São Paulo por diversos mandatos e Secretário de Administração do governo de Paulo Maluf. Como dirigente esportivo foi presidente do Corinthians de 1961 a 1971, período ficou marcado pela longa fila sem títulos pelo Corinthians.

Durante sua gestão, Helu foi bastante contestado pela torcida corintiana, tanto que foi durante sua passagem pelo cargo que, em 1969, foi fundada a Gaviões da Fiel. Em 1972 ele tentou sua reeleição, mas acabou perdendo o pleito para Vicente Matheus.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.