Atleta do Guarani se mostra ansioso para dérbi, marcado para o próximo sábado no estádio Moisés Lucarelli

O clima no Guarani não é dos melhores. Vivendo um jejum de seis jogos sem vitória, a equipe está na zona de rebaixamento da Série B com nove pontos e se prepara sob pressão para o "dérbi" contra a fortalecida Ponte Preta, vice-líder da competição.

Entre para a Torcida Virtual do Guarani e convide seus amigos

O atacante Fabinho, que já viveu a experiência de atuar no clássico, deixou claro como ele vê o jogo e ainda disse que, mesmo em crise, o Guarani pode surpreender e fazer um bom resultado dentro do Moisés Lucarelli.

"Não tem favorito. Em 2009 nós estávamos em um momento bom e eles num momento difícil. Não tinha favorito. Dérbi é clássico e é resolvido nos mínimos detalhes", comentou Fabinho.

Confiante na equipe do Guarani, o atacante ainda fez questão de frisar que sua cabeça está igual a do torcedor, colocando o jogo como o que mais importa para si neste momento. "O sentimento do torcedor é meu sentimento. Pra mim signifca tudo. Sei que não vai ser fácil, vai ser difícil, mas todo mundo está focado. A rapaziada sabe da importância desse jogo", declarou.

A partida, que terá mando da Ponte Preta, acontece no próximo sábado, às 16h20, no Moisés Lucarelli, pela décima primeira rodada da Série B 2011.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.