Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Exame aponta lesão mas Washington deve enfrentar o Vasco

Mesmo com uma contusão acromioclavicular no ombro direito atacante segue fazendo tratamento, melhora e pede para jogar o clássico

Marcello Pires, iG Rio de Janeiro |

Se dependesse apenas do resultado do exame de imagem realizado na noite de quinta-feira, que acusou uma lesão na articulação acromioclavicular no ombro direito de Washington, dificilmente o atacante teria condições de encarar o Vasco no próximo domingo, às 19h30, no Engenhão.
Mas se a vontade do jogador for levada em consideração, é bem provável que ele tenha mais uma chance de acabar com o incômodo jejum de onze partidas sem marcar no Brasileirão.

Mas a esperança do torcedor do Fluminense em contar com seu artilheiro não se resume apenas à vontade de Washington entrar em campo. Segundo o coordenador médico do clube, Douglas Santos, as dores no local diminuíram e se a evolução continuar até o dia do jogo o problema não deve atrapalhar o rendimento do atacante .

O exame indicou uma contusão na articulação do ombro. Ele ainda sente dor, mas já apresentou uma melhora muito grande nas últimas vinte e quatros horas e a gente tem esperança que ele possa jogar. Principalmente porque uma lesão no ombro em uma articulação para um atacante não é um grande problema,  explicou Douglas Santos, reconhecendo que a vontade de o atacante querer jogar pode fazer toda a diferença.

Mesmo com dores ele deixou claro que quer jogar e que se fosse preciso iria para o sacrifício contra o Vasco. Ele é um guerreiro e nunca deixou de ter vontade de ajudar o Fluminense. Este é um tipo de lesão que não acarretará tanto problema assim em caso de um novo trauma, concluiu o coordenador médico do Fluminense.


 

Leia tudo sobre: campeonato brasileirofluminensefutebol

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG