Meia chegou ao clube como grande aposta do ano, mas sentiu a sequência de jogos e caiu de rendimento

Após liberar os meias Lucio Flavio e Renato Cajá no começo da temporada , o Botafogo apostou todas as suas fichas em Everton . Após uma longa negociação com o Tigres, do México , o clube carioca conseguiu contratar o jogador, que em campo, ainda não correspondeu . Com a parada forçada da equipe, após as eliminações no Campeonato Carioca e na Copa do Brasil, o meia ganhou mais massa muscular e acredita que, com a evolução na parte física, o segundo semestre será diferente.

Siga o iG Botafogo no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

"É muito ruim ficar sem disputar jogos, mas soubemos aproveitar esse momento. Treinamos forte e foi importante porque pude me condicionar melhor. Aumentei o meu peso, ganhei mais força muscular e isso tudo influencia em campo", disse Everton, que tem treinado entre os reservas na concentração do Botafogo em Porto Feliz, cidade do interior de São Paulo.

Para o meia, a explicação para o início irregular é simples. O longo tempo sem atuar, desde o início de outubro, quando disputou sua última partida pelo Tigres, até o começo de fevereiro, quando fez a estreia com a camisa do Botafogo contra o Bangu. Depois disso, uma sequência de 16 partidas após menos de duas semanas de pré-temporada.

“Fiquei muito tempo sem jogar no México. Cheguei ao Botafogo e já encarei uma sequência de muitos jogos em pouco tempo, já que entrávamos em campo no meio e no final de semana. Não tinha como manter apresentações em alto nível o tempo todo. Mas agora estou preparado. Fiquei feliz com o meu desempenho no coletivo. Estou ainda mais confiante e motivado para ajudar o Botafogo”, declarou o jogador.

O contrato de empréstimo do jogador com o Botafogo vai até o dezembro, com opção de compra no final do acordo. Everton, que foi campeão brasileiro com o Flamengo em 2009, tornou-se a contratação mais cara da última temporada no futebol mexicano. O brasileiro custou pouco mais de R$ 10 milhões ao Tigres. Porém, algumas lesões e a chegada do técnico Ricardo Ferretti fizeram o jogador querer retornar ao Brasil.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.