Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Estrela de Wallyson brilha na hora certa no Cruzeiro

Jovem atacante é o principal nome do time no início da Libertadores, com quatro gols, e segue com apetite

Frederico Machado, iG Belo Horizonte |

O jeito tímido e tranqüilo na hora das entrevistas coletivas em nada combina com seu futebol, veloz e agressivo pelas pontas. Quando o técnico Cuca liberou a escalação do Cruzeiro para a estreia da Libertadores, contra o temido Estudiantes, da Argentina, os torcedores celestes estranharam: o artilheiro da Libertadores de 2010, Thiago Ribeiro, estava no banco, enquanto Wallyson começaria seu primeiro jogo como titular. E a aposta do treinador não poderia ter dado mais certo, já que o atacante vive momento iluminado e é o principal nome do time no torneio continental.

Wallyson chegou ao Cruzeiro em agosto do ano passado, depois de passagem pelo Atlético-PR. Apesar do título paranaense em 2009, o atacante brilhou mesmo foi no ABC-RN, quando também chegou ao título estadual e se tornou ídolo da torcida local. Com apenas 22 anos, o atacante quer fazer de 2011 a sua temporada. “Tive problemas pessoais quando cheguei ao Cruzeiro, mas agora meu foco está somente em jogar bola”, disse. No final do ano passado, o mais novo ídolo da torcida cruzeirense viveu um drama, ao ver seu pai perder a batalha contra um câncer. “Tenho certeza que ele está em um lugar bem melhor agora e está muito feliz por ver o que o filho dele está fazendo”, disse.

Vippcom
Wallyson já tem quatro gols na Libertadores e luta pela artilharia do torneio
Antes da estreia contra o Estudiantes, Wallyson vinha entrando muito bem no decorrer das partidas. Contra Caldense e Villa Nova, pelo Campeonato Mineiro, deu assistências precisas que resultaram em gols. Pela Libertadores, logo na primeira bola que chegou aos seus pés, mostrou que o ano de 2011 deve ser mesmo melhor do que o que passou. Arriscou de fora da área e viu a bola desviar na defesa argentina para encobrir o goleiro do Estudiantes, com menos de um minuto de jogo. O gol incendiou a torcida do Cruzeiro, que estava “engasgada” com a turma de Verón e companhia desde a final da Libertadores de 2009, quando o time azul foi derrotado em pleno Mineirão.

Com cinco gols na temporada (além dos quatro na Libertadores, marcou uma vez contra o Ipatinga), Wallyson procura manter a humildade. “Sou jovem, estou começando no time titular do Cruzeiro agora. Por isso, gosto de escutar os mais experientes para estar sempre melhorando. Tomara que essa boa fase continue e que eu possa continuar ajudando o Cruzeiro”, afirmou o jogador.

Ciente do potencial do jogador no qual apostou, o técnico Cuca continua exigente. “Ele até fica bravo comigo do tanto que eu pego no pé dele. Tem que ser mais objetivo, fazer o ‘facão’ para o meio. Ainda pode render muito mais”, disse o treinador.

Se a torcida está surpresa com o bom momento do atacante, os companheiros de time não. “No dia a dia vemos o crescimento dele. Um jogador que sempre trabalhou para isso, esperou o momento certo. O trabalho dos treinos está surtindo efeito nos jogos. Isso valoriza o tanto que ele trabalhou e ele está mostrando que tem qualidade”, disse o volante Henrique.

Para agüentar os trancos e até mesmo a deslealdade dos zagueiros adversários na Copa Libertadores, Wallyson está fazendo um trabalho para ganhar massa muscular. “Todos os dias, faço um trabalho de 30 minutos na academia antes dos treinos. Meus companheiros até brincam comigo, que sou muito magro”, revelou. Um dos fatores que pesou a favor de Wallyson na conquista da vaga de titular é que o jogador ajuda muito na marcação, ao contrário do seu concorrente Thiago Ribeiro. “Não vejo problemas em voltar para ajudar na marcação. Atacante também tem que marcar, ajudar os companheiros lá atrás na defesa”, afirmou.

O potiguar tem contrato com o Cruzeiro até agosto de 2012. Caso o time mineiro decida por vender o atleta, fica com 30% da negociação, já que o restante do passe pertence a um grupo de investidores que levou o garoto até a Toca da Raposa II.

Confira a ficha de Wallyson:
Nome completo: Wallyson Ricardo Maciel Monteiro
Posição: Atacante
Data de nascimento: 17/10/1988
Naturalidade: Natal-RN
Altura: 1,79 m
Peso: 72 kg
Carreira: São Gonçalo-RN (2003); Potiguar (2004); ABC-RN (2005-2007) e Atlético-PR (2008-2010); Cruzeiro (desde 08/2010)
Títulos: Campeonato Potiguar (2007) e Campeonato Paranaense (2009)
 

Leia tudo sobre: CruzeiroCopa Libertadores 2011Wallyson

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG