Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Estreantes de Flamengo x Botafogo revelam ansiedade para partida

Equipes decidiram o Campeonato Carioca nos últimos cinco anos, aumentando a rivalidade da semifinal

Renan Rodrigues e Thales Soares, iG Rio de Janeiro |

Muitas caras novas serão vistas dentro de campo no próximo domingo, na partida entre Flamengo e Botafogo, pela semifinal da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca. As duas equipes reforçaram seus elencos no começo da temporada e alguns jogadores disputarão o clássico carioca pela primeira vez. E dos dois lados, o sentimento é parecido: ansiedade.

"Um jogo como esse tem o envolvimento de todos. E ainda é uma decisão, não são dois jogos. Não pode errar. A rivalidade entre Flamengo e Botafogo é uma das mais acirradas. No final do jogo da Copa do Brasil (na ultima quarta-feira) já se falava no Botafogo", declarou o goleiro Felipe.

A rivalidade entre as equipes aumentou ainda mais nos últimos anos, já que Botafogo e Flamengo decidiram as últimas cinco finais de Campeonato Carioca. Tanto que no Botafogo, existem até os 'professores' do clássico. O zagueiro Antônio Carlos é um dos jogadores que procura passar a importância da partida aos estreantes.

"Pelos últimos anos, com o fato das duas equipes estarem decidindo sempre o título, a rivalidade, que já era grande, aumentou ainda mais. A gente conversa com os jogadores que chegaram agora e procura passar a importância da partida. No treino mesmo eu estava conversando com o Márcio Azevedo, que era um dos mais empolgados por poder disputar um clássico como esse", disse o zagueiro do Botafogo.

Pelo lado do Botafogo, serão possivelmente três estreantes do clássico. O zagueiro João Filipe, o volante Arévalo Rios e o lateral-esquerdo Márcio Azevedo. Já no Flamengo, os novatos na partida são justamente os jogadores mais badalados do clube nesta temporada: Thiago Neves e Ronaldinho Gaúcho.

Mas não são apenas os estreantes que sentem um 'frio na barriga'. O técnico Joel Santana, com dezenas de clássicos disputados dos dois lados, também revela ansiedade antes da partida. "Não pense que não dá aquele frio na barriga. Nos momentos que antecedem a uma partida como essa, as pessoas acham que eu durmo tranquilo, e não é assim. Não consigo descansar enquanto não tiver decidido o que vou fazer", disse o treinador do Botafogo.

Leia tudo sobre: botafogoflamengocampeonato carioca 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG