Renato Gaúcho observa jovens em treinos com os jogadores do grupo profissional

Divulgação
Meia Leandro disputou o Brasileiro Sub-20 pelo Grêmio
Virou rotina nos treinos do Grêmio . A pedido do técnico Renato Gaúcho, garotos das categorias de base completam o grupo profissional. A integração é uma maneira de qualificar a formação dos jogadores e também identificar alternativas para o time titular. Na palavra de Renato, uma “faculdade”.

“Tem milhões de empresários que queriam botar seus jogadores na vaga desses garotos. Então, cabe a eles aproveitarem a oportunidade. Claro que é preciso corrigir algumas falhas. Este é o meu trabalho, ganho para isto”, analisou o treinador.

No treino desta sexta-feira, por exemplo, Denner (lateral-esquerdo), Emerson (meia), Jailton (zagueiro), Leandro (meia) e Mateus Carioca (volante) foram observados por Renato e pelo auxiliar Alexandre Mendes. Esta turma não pode perder tempo.

“Não vou trabalhar com grupo inchado lá na frente. Por enquanto dá resultado. Se eles derem conta do recado com continuarei mesclando”, disse o técnico.

Renato citou o exemplo de Denner, “um garoto humilde que valoriza a oportunidade recebida”. O lateral ganhou, inclusive, oportunidades em jogos do Gauchão.

O caso de maior sucesso, por enquanto, é Mateus Magro. O volante começou neste sistema de experiência, ganhou oportunidade e é presença certa no time reserva que disputa o Gauchão. Até foi inscrito na Libertadores. É o caminho para os novatos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.