Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Espanha aposta em Thiago Alcântara para vencer a Itália em amistoso

Filho do tetracampeão Mazinho fará sua estreia pela seleção principal espanhola nesta quarta-feira

Gazeta |

EFE
Contra a Itália, Thiago Alcântara fará sua estreia pela seleção principal da Espanha
Se existem dois jogadores que pretendem agitar o amistoso entre Itália e Espanha, que será realizado nesta quarta-feira, às 15h45 (de Brasília), no Estádio San Nicola, em Bari, na Itália, um é o ítalo-brasileiro naturalizado espanhol Thiago Alcântara , jogador do Barcelona, e o outro é o polêmico Balotelli, do Manchester City.

Thiago é filho do ex-jogador brasileiro Mazinho, e foi convocado pelo técnico da Fúria, Vicente Del Bosque, pela primeira vez, logo após ser o destaque da seleção sub 21 na conquista do campeonato europeu da categoria.

LEIA TAMBÉM: "Nunca pensei em jogar pelo Brasil", diz Thiago Alcântara

Del Bosque disse confiar no talento do meio-campista, que também foi destaque do Barcelona na Copa Audi. "Thiago chegou por méritos esportivos. Para formarmos um bom grupo, tomamos como base o desempenho dos jogadores em suas equipes. Olhamos para os indivíduos que possam chegar ao auge na seleção, como é o caso de Thiago", afirmou o comandante.

Campeã do Mundo em 2006, a Itália receberá a Espanha, que garantiu seu título em 2010, na África do Sul. O último embate entre as duas seleções foi em 2008, quando os espanhóis eliminaram os italianos nas quartas de final da Eurocopa.

O time de Del Bosque terá cinco importantes desfalques para o confronto: Xavi, vetado por dores musculares na perna direita, Sérgio Ramos, que se lesionou na pré-temporada do Real Madrid, além de Fábregas, Puyol e Capdevilla.

O técnico chamou Ignácio 'Nacho' Monreal para a vaga de Sérgio Ramos, mas optou por não convocar ninguém para substituir Xavi, dando esperanças a Thiago, que deve começar jogando.

Iniesta, que elogiou o novato, mostrou grande expectativa para a partida. "Jogar contra a Itália sempre representa algo a mais, porque se trata de uma das melhores seleções, por seus jogadores e história. Será lindo, não tenho dúvidas", afirmou.

Enquanto isso, a seleção italiana vê o amistoso como uma chance de comparar o desempenho do time em relação àquilo que vinha apresentando nas Eliminatórias da Eurocopa e também nos amistosos.

O atacante Giuseppe Rossi reconheceu a força dos atuais campeões do mundo, mas garantiu que seu time está levando a partida muito a sério. "Eles são fortes, já demonstraram que são os mais fortes do mundo. Nós teremos uma grande partida para demonstrar que nós também somos fortes", disse.

O companheiro de Rossi no ataque da seleção deve ser Antonio Cassano, do Milan, que voltou a ser convocado por Cesare Prandelli, assim como o meia Daniele de Rossi e o goleiro Buffon, campeões da Copa em 2006.

As suspresas da lista de Prandelli foram Sebastian Giovinco, o Formiga Atômica, meio-campista do Parma, e o imprevisível atacante Mario Balotelli, polêmico jogador do Manchester City, que recebeu mais uma chance, talvez a última, com a camisa da seleção da Itália, já que costuma se envolver em situações extra-campo que o fazem capa de tablóides ingleses semanalmente.

O retrospecto histórico do confronto entre os dois países mostra grande equilíbrio, sendo nove vitórias italianas, oito espanholas e 11 empates.

Confira os outros amistosos envolvendo times europeus, nesta quarta-feira: 

França x Chile - Montpellier, França
Portugal x Luxemburgo - Faro, Portugal
Noruega x República Tcheca - Oslo, Noruega
Ucrânia x Suécia - Carcóvia, Ucrânia
Áustria x Eslováquia - Klagenfurt, Áustria
Polônia x Geórgia - Lubin, Polônia
Letônia x Finlândia - Riga, Letônia
Albânia x Montenegro - Tirana, Albânia
Escócia x Dinamarca - Glasgow, Escócia
Eslovênia x Bélgica - Liubliana, Eslovênia
Bósnia e Herzegovina x Grécia - Sarajevo, Bósnia e Herzegovina
Lituânia x Armênia - Kaunas, Armênia
República da Irlanda x Croácia - Dublim, República da Irlanda
Turquia x Estônia, Istambul, Turquia
San Marino x Romênia - Serravalle, San Marino
Rússia x Sérvia - Moscou, Rússia
Hungria x Islândia - Budapeste, Hungria
País de Gales x Austrália - Cardiff, País de Gales
Chipre x Moldávia - Nicósia, Itália
Bielorrússia x Bulgária - Minsque, Bielorrússia
Azerbaijão x Macedônia - Bacu, Azerbaijão
Cazaquistão x Síria - Astana, Cazaquistão
Liechtenstein x Suíça - Vaduz, Liechtenstein
Malta x República Centro-Africana - Ta'Qali, Malta

Leia tudo sobre: espanhaitáliafutebol mundial

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG