Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Escudero e Rafael Marques chegam ao Atlético-MG pensando em vaga

Reforços jogaram no Grêmio em 2011 e falaram sobre a luta pela titularidade no time de Cuca

Frederico Machado, iG Belo Horizonte |

A segunda-feira foi de novidades na Cidade do Galo. O Atlético-MG apresentou dois reforços para a temporada 2012: o zagueiro Rafael Marques e o meia-atacante Escudero. Curiosamente, os dois atletas defenderam o Grêmio no ano passado e chegam indicados pelo técnico Cuca.

Leia também: Richarlyson critica preconceito da torcida do Palmeiras

Escudero chega com responsabilidade de ser o organizador das jogadas no meio-campo atleticano. Para contratar o argentino, o Atlético-MG desembolsou 700 mil dólares por um empréstimo de um ano. "Sou um jogador que sabe armar. É uma função que posso fazer. Gosto de jogar pelos cantos, mas posso jogar pelo meio também. Sou um jogador mais ofensivo", declarou o argentino.

Veja também: Atlético-MG anuncia jogo-treino e recebe novidades do elenco

O jogador falou sobe o fato de nenhum armador estrangeiro ter conseguido sucesso no time mineiro. "Muitos passaram e não deram certo, mas é uma situação que tenho que superar. Vou fazer de tudo para ajudar o Atlético-MG”, disse Escudero.

Já Rafael Marques terá tarefa complicada para ser titular e conhece seus companheiros no setor defensivo. "Já tive oportunidade de trabalhar com o Réver no Grêmio, em 2009 e três meses em 2010. Fizemos bons trabalhos. Na época, tinham outros zagueiros e a gente revezava muito. Trabalhei quatro, cinco meses com o Leonardo Silva, no Brasiliense. São jogadores de qualidade, assim como o Werley, o Lima e o Luiz Eduardo. Vejo que cada um vai buscar seu espaço, respeitando o outro, para ajudar o Atlético", afirmou o novo defensor atleticano.

Bruno Cantini / Divulgação
Rafael Marques já atuou com Réver e Leonardo Silva
Rafael Marques explicou como será seu estilo de jogo com a camisa do novo time. "Zagueiro tem que ser firme, forte e duro. Sem querer machucar, mas tem que tomar conta do espaço. Vou querer ser o mais firme, simples e objetivo possível para poder ajudar", analisou o defensor.

O jogador sabe da pressão da torcida atleticana por títulos, mas não desanimou. "Jogador de alto nível de equipe grande vai viver com cobrança a todo momento. Quando você tem um grupo forte, que te recebe bem, a cobrança é dividida e você tira coisas boas. Com o Grêmio foi assim. Fiquei três anos e meio vivendo de cobranças. E aqui não vai ser diferente. Com o grupo unido, vamos superar isso", concluiu Rafael Marques.

Entre para a torcida virtual do Atlético-MG e comente sobre os novos reforços

Leia tudo sobre: Atlético-MGEscuderoRafael Marques

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG