Adilson e Spessatto disputam lateral direita na partida contra o líder do Brasileirão

Escudero foi atendido pelo médico Alarico Endres
Hector Werlang
Escudero foi atendido pelo médico Alarico Endres
Escudero, mais uma vez, corre risco de não ter sequência no Grêmio . Na manhã desta terça-feira, o meia sentiu uma leve torção no tornozelo esquerdo, deixou o treino e virou dúvida para enfrentar o Corinthians, quarta-feira, às 18h, em São Paulo, na abertura do returno do Brasileirão. O técnico Celso Roth, porém, está confiante na recuperação do argentino.

Entre para a Torcida Virtual do Grêmio e convide seus amigos

Twitter iG Grêmio: Notícias e comentários em tempo real

O argentino reclamou de dores musculares ainda no Gre-Nal, domingo, após ter tido boa atuação . Na segunda-feira, ao se reapresentar, passou por exames, porém, nenhum problema foi diagnosticado. Leandro, que o substituiu na atividade, é a alternativa.

Desde o começo do ano, Escudero convive com lesões. Problemas musculares e no tornozelo esquerdo já o afastaram de jogos e treinos.

"Foi uma preservação. O problema de hoje foi diferente do Gre-Nal. A princípio, ele deve atuar", disse Roth.

O treinador terá outros desfalques. Gabriel e Gilberto Silva estão machucados e Mário, suspenso. Sem opções para a lateral direita, o treinador avalia dar chance a Spessatto, 20 anos, revelação das categorias de base – outra possibilidade é improvisar o volante Adilson. Fernando continuará no meio-campo ao lado de Fábio Rochemback.

O time que treinou: Victor; Spessatto, Vilson, Saimon e Julio Cesar; Fábio Rochemback, Fernando, Marquinhos e Douglas; Leandro e André Lima.

O Grêmio viaja no começo da tarde para São Paulo. O retorno é na própria quarta-feira.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.