Kim Jung-kyum fo liberado pelo Pohang Steelers por ter apostado em próprio jogo. Cinco atletas são acusados de terem recebido dinheiro de apostadores

selo

O Pohang Steelers dispensou nesta quinta-feira o meia Kim Jung-kyum por ele supostamente ter apostado em um de seus próprios jogos em um escândalo no futebol da Coreia do Sul. De acordo com a imprensa local, o contrato do jogador foi rescindido por conta de uma aposta em uma partida do clube disputado há dois meses. Seu contrato se encerraria no final deste ano. 

Cinco jogadores de diferentes clubes foram presos e acusados de terem recebido dinheiro de apostadores sob a alegação de terem cometidos erros deliberadamente que levaram suas equipes a perderem jogos, segundo a imprensa da Coreia do Sul. O ex-jogador Jeong Jong-kwan foi encontrado morto esta semana em um aparente suicídio. Ele deixou uma nota revelando o seu envolvimento no escândalo de manipulação de resultados. 

A Federação Sul-Coreana prometeu punir com rigor os envolvidos em manipulação de resultados. Para isso, realizou uma reunião de emergência nesta semana, com a presença de mil pessoas, com a intenção de adotar medidas para combater as apostas ilegais no futebol.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.