Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Escalado pelo físico, São Paulo encara incógnita Mogi Mirim

Jogadores admitem desconhecimento em relação ao rival da estreia e Carpegiani saca atletas fora de forma

Levi Guimarães, iG São Paulo |

No primeiro jogo do ano, o São Paulo vai enfrentar um adversário misterioso. Misterioso, pelo menos, até a preleção do técnico Paulo César Carpegiani. Nos dias que antecederam a partida, os jogadores do clube do Morumbi admitiram não ter muitas informações a respeito do Mogi Mirim, adversário deste domingo no interior. E esperavam receber essas informações poucos instantes antes do apito inicial.

Questionados sobre o que conhecem do adversário, a maioria dos são-paulinos apenas sabia da presença do meia Rivaldo. No entanto, o presidente-jogador do Mogi ainda não teve sua situação regularizada e está fora do jogo. Outro fator bastante valorizado pelos jogadores do São Paulo foi o maior tempo que o adversário teve de pré-temporada, o que pode beneficiar o preparo físico de seus atletas.

“Sabemos que o Mogi vem treinando já há bastante tempo, que é a única competição que eles tem. A gente sabe que não vai ser jogo fácil. Mas ele [Carpegiani] está mais preocupado com a nossa equipe, em corrigir os erros que a gente sabe que ainda está cometendo. Creio que na preleção antes do jogo ele vai falar sobre o Mogi”, disse o zagueiro Alex Silva.

“Com certeza vão estar mais preparados fisicamente, mas nós vamos procurar com a experiência e categoria fazer um bom jogo e aguentar os 90 minutos”, completou o meia Marcelinho Paraíba, que começará no banco o primeiro jogo depois de voltar do empréstimo ao Sport.

Em relação à escalação de seu time, o Carpegiani deixou claro desde o começo da pré-temporada que o fator físico seria fundamental para definir os titulares nas primeiras partidas do ano. E essa decisão, logo de cara, já “vetou” jogadores que terminaram 2010 como titulares absolutos.

As principais “vítimas” do mau preparo físico foram os atacantes Dagoberto e Fernandão. Enquando o primeiro começará a partida na reserva, o segundo sequer foi relacionado e nem viajou com o grupo para Mogi Mirim. Carpegiani também não poderá contar com Marlos, já que o meia, assim como Rivaldo, não tem a situação regularizada por pertencer a um clube uruguaio.

Vipcomm
Atacante Mazola será titular do São Paulo na estreia no Paulistão

Com todos esses problemas, Carpegiani dará a primeira chance ao atacante Mazola, que no ano passado estava no Guarani e, assim como Marcelinho, voltou de empréstimo. Por fim, outra novidade do São Paulo no jogo será a estreia do lateral-esquerdo Juan, principal reforço contratado pelo clube para 2011 até agora.

No Mogi Mirim, sem poder contar com Rivaldo e Denílson, que ainda não tiveram suas situações totalmente regularizadas, o técnico Antônio Carlos Zago deve optar pela entrada de Rodrigo Ost no meio de campo e de Roberto Jacaré no ataque.

FICHA TÉCNICA - MOGI MIRIM x SÃO PAULO
 
Local: estádio Romildo Victor Gomes Ferreira, em Mogi Mirim (SP)
Data: 16 de janeiro de 2011, domingo

Horário:
 17h (de Brasília) 

Árbitro: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Maria Eliza Correia Barbosa (ambos de SP)
 
MOGI MIRIM: João Paulo; Niel, Thiago Alves, Audálio, e João Paulo; Val, Baraka, Paulo Isidoro e Rodrigo Ost; Ricardinho e Roberto Jacaré
Técnico: Antônio Carlos Zago
 
SÃO PAULO: Rogério Ceni, Jean, Alex Silva, Miranda e Juan; Cleber Santana, Rodrigo Souto, Carlinhos Paraíba e Ilsinho; Fernandinho e Mazola
Técnico: Paulo César Carpegiani

Leia tudo sobre: são paulofutebolcampeonato paulista 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG