Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Escalação contra o Flamengo depende de Libertad x Nacional

Vasco aguarda duelo entre rivais na Libertadores para saber se escala força máxima sábado pelo Carioca

Hilton Mattos, iG Rio de Janeiro |

A escalação do Vasco para o clássico de sábado contra o Flamengo , pela Taça Rio – segundo turno do Campeonato Carioca –, vai depender fundamentalmente da partida entre Libertad, do Paraguai, e Nacional, do Uruguai, nesta quinta, pelo Grupo 5 da Taça Libertadores . Explica-se: o jogo vai definir se o time de Cristóvão Borges estará classificado ou não antecipadamente às oitavas de final do torneio sul-americano.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

AFP
Éder Luis, voltando de contusão, deve enfrentar o Flamengo para ganhar ritmo
Caso o Vasco chegue à última rodada já com a vaga assegurada, o treinador mandará a campo sua força máxima no duelo contra o rival rubro-negro. A equipe cruzmaltina, embora priorize a Libertadores, não quer abrir mão do estadual, já que está há nove anos na fila para conquistar a competição regional.

Leia mais: Cirurgia dentária tira Juninho também do clássico com o Flamengo

A situação vascaína na Libertadores passou a ser a seguinte após a vitória de 2 a 1 sobre o Alianza nesta terça : com dez pontos, o clube lidera a sua chave, e pode assegurar a classificação diante de uma vitória do Libertad (sete) sobre o Nacional (seis). Se chegar à última rodada, dia 12, em Montevidéu, contra os uruguaios, com o passaporte carimbado, a briga será apenas pela primeira posição no grupo. Ou seja, com muito menos pressão.

Assim, Cristóvão dará uma atenção especial ao estadual. E, claro, ao rival rubro-negro, uma vez que, em São Januário, clássico contra o Flamengo é tido como campeonato à parte.

"A princípio, vamos esperar o resultado do Libertad e Nacional, que pode nos deixar classificados por antecipação. Isso seria o melhor, porque aí a gente consegue um planejamento melhor. Mas vamos aguardar, fica tudo na dependência desse resultado", explicou o treinador vascaíno.


 

Leia tudo sobre: vascolibertadlibertadores 2012cristóvão

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG