Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Equilíbrio do jogo de ida anima e Arthur Neto confia em virada do Goiás

Como perdeu no Serra Dourada por 1 a 0, time goiano precisa vencer o Palmeiras no Pacaembu para ir à final da Sul-Americana

Gazeta Esportiva |

O Goiás treinou na manhã desta terça-feira e embarcou para São Paulo, onde enfrente o Palmeiras, pelo jogo de volta da semifinal da Copa Sul-Americana. Tentando espantar o abatimento pelo rebaixamento no Brasileirão, o técnico Arthur Neto lembra do jogo de ida para mostrar confiança na virada - os paulistas venceram por 1 a 0 no Serra Dourada.

"O Palmeiras tem uma boa vantagem e joga em casa, mas o jogo da semana passada foi muito equilibrado, jogamos de igual para igual e acho que temos chances", disse o treinador, que arriscou ao poupar sua dupla de ataque de titular no confronto contra o Santos, domingo, que decretou a queda do time na competição nacional.

Enquanto Felipe foi opção no banco de reservas, o artilheiro Rafael Moura sequer foi relacionado. O treinador reconhece que o rebaixamento já era esperado desde sua chegada, após a demissão de Jorginho, ex-auxiliar de Dunga na seleção brasileira.

"É claro que há um abatimento por causa do rebaixamento, isso é normal. Mas essa situação já era esperada. Quando fui contratado, estava ciente de que seria difícil. Estamos tristes, mas estamos conversando desde segunda-feira sobre isso e temos chance de terminar bem o ano", completou.

O jogo decisivo está marcado para o Pacaembu, às 21h50 (de Brasília), nesta quarta-feira. Todos os ingressos já estão esgotados e a torcida do Palmeiras deve pressionar, mas o Esmeraldino terá força máxima para o duelo.

Leia tudo sobre: copa sul-americanagoiás

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG